Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



O ataque nuclear cibernético

por Luis Moreira, em 19.03.12

Um programa vírus, especialmente preparado para atacar as instalações nucleares do Irão, foi lançado na rede em 2010 e fez mover mais rapidamente as pilhas nucleares dos reactores, acima da sua capacidade, conseguindo destruí-las e atrasar por anos o programa nuclear do país.

Só os estados Unidos e israel têm capacidade tecnológica e razões para lançarem este tipo de ataque, embora os informáticos que detectaram o vírus tenham conseguido chegar à origem do ataque : Dinamarca e África.

A má notícia  é que depois de ser lançado e descoberto este vírus pode ser virado contra qualquer outro país, como sejam as centrais nucleares que produzem energia, ou contra as linhas de distribuição de electricidade, contra os semáforos de uma grande cidade, sinalização dos metropolitanos, controlo dos aviões...

As bombas militares são lançadas e explodem, acabou, mas as armas cibernéticas não morrem nunca, atacam e destroiem mas continuam activas.

Grandes países como os Estados Unidos têm grupos de segurança a trabalharem permanentemente com vista a não serem surpreendidos .

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 12:50


página facebook da pegadatwitter da pegadaemail da pegada



Comentários recentes

  • Anónimo

    VOCÊ PRECISA DE UM SERVIÇO DE HACKING DE QUALIDADE...

  • Anónimo

    VOCÊ ESTÁ PROCURANDO UM HACKER ONLINE E ENTRE OS H...

  • Anónimo

    Olá pessoal, você precisa de serviços de hackers?E...

  • Anónimo

    I was searching for loan to sort out my bills &...

  • Anónimo

    VOCÊ PRECISA DE UM SERVIÇO DE HACKING DE QUALIDADE...

  • Anónimo

    VOCÊ ESTÁ PROCURANDO UM HACKER ONLINE E ENTRE EM C...

  • Anónimo

    Se você precisar de um serviço de hackeamento prof...

  • Anónimo

    ENTRE EM CONTATO COM TODOS OS TIPOS DE TRABALHO HA...

  • Anónimo

    Recebi meu cartão multibanco programado e em branc...

  • Anónimo

    VOCÊ ESTÁ PROCURANDO UM HACKER ONLINE E ENTRE EM C...


Arquivo

  1. 2014
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2013
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2012
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2011
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2010
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2009
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2008
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D

Pesquisar

Pesquisar no Blog  



subscrever feeds