Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Jean-Philippe Rameau – Compositor francês **

por António Filipe, em 12.09.13
No dia 12 de Setembro de 1764, morreu, em Paris, o compositor francês Jean-Philippe Rameau. Tinha nascido, em Dijon, a 25 de Setembro de 1682.

Compositor revolucionário e inovador, Jean-Philippe Rameau deixou importantes marcas na sua época e em toda a História da Música, pela profundidade com que estudou a teoria musical, pelas inovações que introduziu na arte da composição e na técnica de tocar o principal instrumento musical da sua época.
Foi um homem culto, profundo e irreverente. Quando jovem, deu-se mal com o ensino dos jesuítas, de tal modo que o pai viu-se obrigado a enviá-lo para Itália, para estudar música. Não sabia no que se metia…!
Rameau regressou a França tocando violino com uma companhia de comediantes e, envolvido em polémicas filosóficas que tinham por protagonistas homens como Voltaire e Rousseau, enfrentou os conservadores da corte do Rei-Sol Luis XIV. Custou-lhe caro, porque foi atacado e escarnecido – mas a História deu-lhe razão: O “Tratado da Harmonia”, que escreveu em 1722, revelou técnicas e segredos harmónicos na arte de compor e compreender a música, que ficaram a ser e são hoje ainda do mais importante que se conhece na matéria.
Com o regresso de Itália, Jean-Philippe Rameau originou profundas mudanças na música francesa. Ao contrário dos seus antecessores, considerou a composição para igreja uma obrigação fastidiosa. A forma francesa da suíte de danças foi abandonada em proveito de uma forma aparentada com o concerto italiano em 3 movimentos.
Pela primeira vez o cravo não é nem um contínuo, nem um instrumento polifónico, como em Johann Sebastian Bach, mas um instrumento de solo virtuoso. As peças anunciam já Haydn e Mozart
 

**Texto de António Leal Salvado

 


Rondo e Dança, da ópera “Les Indes galantes”, de Jean-Philippe Rameau

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 00:01

No dia 5 de Maio de 1927 nasceu em Nova Iorque o pianista, teórico musical e autor norte-americano Charles Rosen.

Pianista virtuoso, tem aparecido por todo o mundo em numerosos recitais, a solo e com orquestra. Tem gravado várias obras, a convite dos próprios compositores, como Igor Stravinsky, Elliot Carter e Pierre Boulez. É também autor de vários livros sobre música.
Começou a ter lições de piano aos quatro anos, depois frequentou a Juilliard School, dos sete aos onze. Nos seis anos seguintes foi aluno de Moriz Rosenthal, que tinha sido aluno de Franz Liszt. Quando Rosenthal morreu, em 1946, Rosen continuou os estudos com a viúva, Hedwig Rosenthal.
Estudou teoria musical e composição com Karl Weigl e, na Universidade de Princeton, licenciou-se em História da Música e Línguas Românicas. Obteve a licenciatura em 1947, o mestrado em 49 e o doutoramento em 1951, ano em que se estreou, como pianista, em Nova Iorque.
Além de dar concertos, Charles Rosen foi professor de Línguas Modernas, no MIT, de 1953 a 1955. Em 1971, regressou aos serviços académicos, como professor de música, na Universidade de Nova Iorque, em Stony Brook. Nos anos de 1976 e 77 foi também professor de música na Universidade da Califórnia, em Berkeley. Também, exerceu funções na Universidade de Harvard e foi professor convidado, em Oxford. A partir de 1986 foi professor na Universidade de Chicago, até que se reformou, em 1996.
Charles Rosen morreu, de cancro, em Nova Iorque, no dia 9 de Dezembro de 2012.


Rondo, da Sonata para piano, K. 331, de Mozart
Piano: Charles Rosen

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 00:01


página facebook da pegadatwitter da pegadaemail da pegada



Comentários recentes

  • Aboubacar Aboubacar Sacko

    Se você precisar dos serviços de um hacker ético c...

  • Anónimo

    OLÁ!!! Você é um homem ou uma mulher? Você precisa...

  • Anónimo

    Se você precisar de um serviço de hackeamento prof...

  • Anónimo

    Ile é conectado como o controle de acesso à Intern...

  • Anónimo

    Eles são conhecidos como os onipotentes gurus da I...

  • Anónimo

    Se você precisa de um serviço de hackers genuíno e...

  • Anónimo

    Olá pessoal, você precisa de serviços de hackers?E...

  • Төлөгөн Аимэшхан

    Você precisa de algum serviço de hackers? Você est...

  • Anónimo

    Muitos QUEREM SER HACKERS ON-LINE Cuidado com os a...

  • Anónimo

    Eles são um grupo profissional de hackers além da ...


Arquivo

  1. 2014
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2013
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2012
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2011
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2010
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2009
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2008
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D

Pesquisar

Pesquisar no Blog  



subscrever feeds