Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Merkel investe contra Hollande por Rolf Dahmer

por Luis Moreira, em 27.04.12

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 13:00

“Senhor perdoai-lhes porque ele não sabem o que fazem..” Lucas 23.34 – a Bíblia Sagrada

 

À primeira vista, quando lemos num artigo da imprensa estrangeira que finalmente Portugal tem um “artigo de exportação” actualmente muito apreciado lá fora, para muitos é motivo para nova esperança. Todavia quando, à segundo vista, ficamos a saber que este “artigo de exportação”* se refere aos jovens qualificados deste país, para muitos é motivo de indignação. E com razão!

De facto é um absurdo: por um lado empresta-se 78.000 M€ para Portugal poder saír do atoleiro, sabendo que com esse dinheiro apenas se compra tempo e que tudo fica sem efeito se esse tempo não for aproveitado sobretudo para orientar o país para fora. Por outro lado a continuação do errado comportamento estratégico da UE no seu todo, tem como consequência que Portugal perca uma boa parte dos seus jovens, ou seja, o bem mais valioso que um país pode ter. Assim a UE entrou em processo de auto-digestão e de uma espiral negativa acelerada e resta saber o que será quando também a Alemanha chegar ao fim da linha. Reitero: toda essa evolução de modo algum foi planeado mas sim causado pela mera estupidez – foi-se reagindo em vez de agindo.

P.S. Esse “Senhor perdoai-lhes” não se dirige aos jovens portugueses (e outros) que por falta de perspectivas económicas são forçados a abandonar o seu país, mas sim aos políticos em Bruxelas e nas 27 capitais da UE que continuam a não compreender o que estão a fazer.

* Young Portuguese workers are currently the most sought-after export from their crisis-ridden country.

     SPIEGEL ONLINE, 03/28/2012

Hunt for Skilled Labor: Germany Woos Portugal's Lost Generation

The crisis-hit nations of southern Europe have one booming industry left

-- their skilled workers are in high demand in Germany, which has a chronic shortage of qualified labor. German employers in search of nurses and engineers have launched a recruitment drive in Portugal, where over a third of young people are unemployed.  

By Christoph Pauly

You can download the complete article over the Internet at the following

URL:

http://www.spiegel.de/international/europe/0,1518,824089,00.html

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 18:00

SPIEGEL ONLINE, 02/21/2012

-----------------------------------------------------------------

Averting the Next Greece: Portugal Needs More Money To Stay Afloat

-----------------------------------------------------------------

With its massive austerity measures, Portugal has become the poster child of the troika of the EU, ECB and IMF. But the country is still stuck in a deep recession and it is unclear how it will return to growth. It may need to rely on European loans for years to come.

By Christoph Pauly

You can download the complete article over the Internet at the following

URL: http://www.spiegel.de/international/business/0,1518,816024,00.html

“Um pecado tem sempre como consequência outro pecado.” Fonte: Prikei Avot, Ben Azai

Ontem li o artigo de fundo do SPIEGEL 8/2012 sobre Portugal – 3 páginas! – em alemão e verifiquei que o mesmo, apesar das críticas, é bastante objectivo e equilibrado. O artigo até reza que o caso de Portugal não é comparável com o da Grécia porque Portugal, ao contrário do que acontece com a Grécia, além de infraestruturas capazes tem indústrias competitivas.

O artigo corrobora a minha visão de que nem sempre são os “marrões” que mais tentam agradar aos professores, os melhor sucedidos na vida profissional prática. De facto, apesar de ficar claro que se deve obedecer amplamente às imposições bastante mecanicistas da troika, existe sempre um resto de liberdade de movimentos e criatividade que pode e deve ser aproveitado – aberta ou “subversivamente” – para saír da recessão e criar crescimento – o objectivo principal. O facto das coisas terem ido para o torto apesar das “indústrias competitivas”, significa: Portugal tem “soldados” mas não tem um “general”. Por outras palavras: o país deverá identificar um grupo-alvo no mundo, ao qual, de acordo com os seus próprios pontos fortes, pode servir melhor que outros. Lançar indústrias à toa, porventura subsidiadas pela UE, não basta, tem de haver uma conjugação dos esforços direccionada para as necessidades mais ‘candentes’ de um determinado grupo-alvo. Sob este desígnio, todo o resto agrupa-se em volta, criando-se uma economía imbatível dentro da sua órbita.

Neste contexto ainda uma breve observação sobre o caso grego. O Presidente do conceituado Ifo-Institut für Wirtschaftsforschung (Munique), Prof. Dr. Hans-Werner Sinn, com o qual me encontro em contacto há anos, disse numa entrevista em SPIEGEL ONLINE**:

“(...) Deveriam dar-lhes (à Grécia) o dinheiro para lhes facilitar a saída da União Monetária. O estado grego, com o dinheiro poderia nacionalizar os bancos, evitando o colapso do estado. Com todas as turbulências que uma saída dessas provovca, o estado e os bancos  devem continuar a funcionar (...).

Com efeito, indicando tudo que todas as ajudas monetárias do mundo não conseguem salvar uma Grécia que ainda tem “o rei dentro da barriga”, acredito que face à revolta do povo grego que dificulta às mudanças necessárias, será melhor permitir que o país “conheça a verdade” - a qual a “libertará” *. O país, que certamente ficará dentro da União Europeia, tal como muitos outros parceiros sem o euro, não se afundará, continuará com o apoio da UE e depois de ter aprendido a lição, sairá fortalecido da crise, nem a fénix das cinzas.

Quanto a Portugal faço votos que consiga dar a volta por cima às coisas, evitando o pior. Tenho a certeza que com uma mudança drástica de estratégia – forte e feio! – isto será possível.

* “E conhecereis a verdade, e a verdade vos libertará. A Bíblia Sagrada, João 8, 32

** http://www.spiegel.de/wirtschaft/soziales/0,1518,816291,00.html

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 18:00


Desejos de Boas Festas de Rolf Dahmer

por Rolf Dahmer, em 18.12.11

 

 

 

 

"Directamente à nossa frente e dentro de nós - não em lugares remotos e não num tempo distante - encontra-se um novo mundo ao nosso alcance. A atenção o descobre, a  esperança trá-lo até nós, o amor dá-lhe forma.

Precisamos de olhos capazes de ver milagres, um coração que acredita na transformação; e firme que é a vida que constitui o plano para este planeta, não a morte.

O caminho até lá tem início na tua e na minha vida. Está na hora de nos abalançarmos a ele."

Ulrich Schaffer, escritor alemão-canadiano

 

Desejo a todas as  minhas amigas e amigos em Portugal

e no Brasil  um Feliz Natal e próspero Ano Novo

cheio de êxito, paz, saúde e harmonia !

Um abraço

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 10:00


Texto de Rolf Dahmer no jornal Vida Económica

por Luis Moreira, em 16.11.11

Desintegração ganha velocidade - um mal inevitável?

 

Este artigo de Rolf Dahmer que foi publicado na PEGADA aqui vai sair na próxima 6ª feira na VIDA ECONÓMICA! A não perder!

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 19:00

Encontre-os aqui:

Acompanhe aqui todos os artigos de Rolf Dahmer na web: http://pluralmag.com/autor/Rolf_Dahmer

Os autores da PEGADA estão todos em http://www.pluralmag.com/, eternamente, como diz o Rogério, dia a dia, hora a hora, os nossos postes podem ser ali encontrados, em mais lidos, mais frequentes , enfim, nomeados.

Hoje, deixamos aqui o link individual do companheiro Rolf Dahmer que nos brinda com óptimos textos a partir de uma visão a que o próprio chama de "New Deal", imaginada e desenvolvida pelo próprio. Um Alemão que tem como segunda pátria, Cascais, Portugal!

Se não teve oportunidade de o ler aproveite agora.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 16:00


página facebook da pegadatwitter da pegadaemail da pegada



Comentários recentes

  • Anónimo

    ENTRE EM CONTATO PARA TODOS OS TIPOS DE TRABALHO H...

  • Anónimo

    Se você precisar de um serviço genuíno de hackers ...

  • Anónimo

    ENTRE EM CONTATO PARA TODOS OS TIPOS DE TRABALHO H...

  • Anónimo

    OLÁ, você precisa de um serviço de hackers? Você e...

  • Anónimo

    OLÁ, você precisa de um serviço de hackers? Você e...

  • Anónimo

    ENTRE EM CONTATO PARA TODOS OS TIPOS DE TRABALHO H...

  • Anónimo

    Olá, você precisa de um serviço de hackers profiss...

  • Anónimo

    Você está em busca de um serviço de hacking confiá...

  • Anónimo

    They are all scammers, they will make you pay afte...

  • Anónimo

    SE VOCÊ PRECISA DE UM SERVIÇO DE HACKING GENUÍNO E...


Arquivo

  1. 2014
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2013
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2012
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2011
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2010
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2009
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2008
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D

Pesquisar

Pesquisar no Blog