Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Arrendar é fácil, despejar é mais dificil

por Luis Moreira, em 29.12.11

A lei das Rendas que vem desde há dezenas de anos originou problemas, vários, ainda maiores. A degradação do edificado que está a cair aos bocados pois os senhorios negam-se a gastar dinheiro na recuperação dos prédios sem deles tirarem rendimento; levou muitos milhares de pessoas a viver fora das cidades contribuindo para o trânsito conflituoso e para um ambiente bem menos saudável.

A reabilitação urbana pode contribuir poderosamente para a criação de emprego e ser uma das alavancas para recuperar a economia. Mas é preciso primeiro resolver uma série de problemas. Antes de tudo atender aos problemas sociais das pessoas que vivem no centro das cidades e que não podem pagar rendas mais altas. Vão para a rua? O Estado atende aos casos mais prementes? Em segundo é preciso saber se os senhorios estão dispostos a, no mesmo local, construírem prédios obedecendo às regras estabelecidas. Ainda agora no caso do incêndio da Elias Garcia sabe-se que há um projecto na Câmara para edificar um hotel, objectivo que não condiz com o pretendido para o local. Estará o dono do prédio disposto a construir apartamentos?

Depois, o presente documento permite que senhorio e o inquilino negoceiem entre eles, estabelecendo alguns limites. Mesmo que o inquilino tenha que sair da casa há procedimentos expeditos para o obrigar a sair? O atraso do pagamento das rendas (2 ou 5 meses ?) determina a saída, ou recebendo uma indemnização, tornando mais fácil a integração do despejado.

Eu, pessoalmente, acho que face aos enormes problemas sociais que esta lei vai levantar me ficava por estas simples medidas: quem está viver em casas com rendas baixas mas tem rendimentos médios ou altos deve pagar mais (25% ou 10% do rendimento conforme esteja acima ou abaixo de 500 euros); quem vive numa casa com renda baixa e tenha baixos rendimentos a Câmara deve acordar com o senhorio o que se poderá construir, no mais curto espaço de tempo , atribuindo ao despejado um apartamento para viver ou o dinheiro correspondente( o negócio de construir algo de novo dá margem para isso e muito mais) .

Todos os adultos jovens e jovens estarão sujeitos ao livre jogo do mercado!

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:00


página facebook da pegadatwitter da pegadaemail da pegada



Comentários recentes

  • Anónimo

    VOCÊ ESTÁ PROCURANDO UM HACKER ONLINE E ENTRE OS H...

  • Anónimo

    Olá pessoal, você precisa de serviços de hackers?E...

  • Anónimo

    I was searching for loan to sort out my bills &...

  • Anónimo

    VOCÊ PRECISA DE UM SERVIÇO DE HACKING DE QUALIDADE...

  • Anónimo

    VOCÊ ESTÁ PROCURANDO UM HACKER ONLINE E ENTRE EM C...

  • Anónimo

    Se você precisar de um serviço de hackeamento prof...

  • Anónimo

    ENTRE EM CONTATO COM TODOS OS TIPOS DE TRABALHO HA...

  • Anónimo

    Recebi meu cartão multibanco programado e em branc...

  • Anónimo

    VOCÊ ESTÁ PROCURANDO UM HACKER ONLINE E ENTRE EM C...

  • Anónimo

    SE VOCÊ PRECISA DE UM SERVIÇO DE HACKING GENUÍNO E...


Arquivo

  1. 2014
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2013
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2012
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2011
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2010
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2009
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2008
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D

Pesquisar

Pesquisar no Blog