Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Concerto nº 1, para piano, de Prokofiev

por António Filipe, em 07.08.12

No dia 7 de Agosto de 1912 estreou-se, em Moscovo, o Concerto nº 1, op. 10, em ré bemol maior, para piano, de Sergei Prokofiev, sendo ele próprio o solista, com Konstantin Saradzhev a dirigir a orquestra. O compositor começou a escrever este concerto em 1911 e terminou a sua composição em 1912. Tem um só andamento e é o mais pequeno dos cinco concertos para piano de Prokofiev, com uma duração de cerca de um quarto de hora.
No dia 18 de Maio de 1914, Prokofiev ganhou o Prémio Anton Rubinstein pela habilidade pianística na execução desta peça, perante o Conservatório de S. Petersburgo. Prokofiev propôs o seu próprio concerto para o programa do concurso porque pensava que não conseguiria ganhar com um concerto clássico. Com um concerto da sua autoria o júri seria “incapaz de julgar se ele estava a tocar bem ou não”. No entanto, as regras do concurso exigiam que a obra fosse publicada. Prokofiev conseguiu encontrar um editor que se dispôs a imprimir vinte cópias a tempo de participar no concurso. A execução correu bem e o júri, presidido por Alexander Glazunov, atribuiu o prémio a Prokofiev, com alguma relutância.


Concerto nº 1, para piano, de Prokofiev
Piano: Martha Argerich
Orquestra Sinfónica de Flandres
Maestro: Alexander Rabinovitch-Barakovsky

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 00:01


Sergei Prokofiev - Compositor e pianista russo

por António Filipe, em 05.03.12

No dia 5 de Março de 1953 morreu, em Moscovo, o compositor russo Sergei Prokofiev. Tinha nascido em Krasne, na Ucrânia, a 23 de Abril de 1891.
Demonstrou bem cedo invulgares dotes musicais. Em 1902, quando começou a receber lições particulares de composição, já tinha composto algumas peças. Quando aprendeu a base teórica musical necessária, dedicou-se à experimentação e à definição do que seria o seu estilo musical. Em 1904, encorajado por Alexander Glazunov, mudou-se para São Petersburgo e inscreveu-se no Conservatório. Terminou o curso com as mais altas classificações. Em 1908 estreou-se como pianista. Em sequência da Revolução Russa de 1917, emigrou para a América e, de 1918 a 1920, viveu em São Francisco. De 1920 a 1936 viveu na Europa Ocidental, realizando digressões como pianista, nas quais interpretava obras próprias como os cinco concertos para piano e as cinco primeiras Sonatas para piano.
Voltou à Rússia em 1936, onde continua a compor sobre a mesma linguagem musical e as suas obras demonstram uma extraordinária integridade, se se tiver em consideração a pressão imposta pelo dogma soviético do realismo socialista. Entre estas obras destacam-se a famosa composição infantil “Pedro e o Lobo” para narrador e orquestra (escrita em 1936 para agradar a Estaline), o bailado “Romeu e Julieta”, as óperas “Guerra e Paz” e “O Amor das Três Laranjas”, a Sinfonia n.º 5 e as cantatas “Alexandre Nevski” e “Ivan, o Terrível” (compostas para os filmes homónimo do realizador soviético Sergei Eisenstein).
Quando voltou para a Rússia, foi atacado por formalismo burguês. Depois de um período de resistência contra os ataques, retractou-se publicamente. Escreveu obras que agradaram às autoridades, mas também outras, mais independentes. Em Fevereiro de 1948, um decreto do comité central do partido comunista tornou impossível a resistência contra a estética oficial. Só foi reabilitado em 1956. Mas nem todas as suas obras foram reincluídas no repertório oficialmente aprovado. Nos últimos anos, Prokofiev enfrentou dificuldades financeiras e de saúde. Como que por ironia, morreu no mesmo dia em que, na mesma cidade, morreu Estaline.


Cantata “Alexander Nevsky”, de Prokofiev
Orquestra Sinfónica de Barcelona e Nacional de Catalunha
Maestro: Pablo González
Orfeu Catalão
Maestro: Josep Vila

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 00:01


página facebook da pegadatwitter da pegadaemail da pegada



Comentários recentes

  • Anónimo

    VOCÊ PRECISA DE UM SERVIÇO DE HACKING DE QUALIDADE...

  • Anónimo

    Olá pessoal, Você precisa de serviços de hackers? ...

  • Anónimo

    Se você precisar de um serviço de hackeamento prof...

  • Anónimo

    Muitas pessoas disseram que os hackers invadiram d...

  • Anónimo

    SE VOCÊ PRECISA DE UM SERVIÇO DE HACKING GENUÍNO E...

  • Anónimo

    SE VOCÊ PRECISA DE UM SERVIÇO DE HACKING GENUÍNO E...

  • Anónimo

    SE VOCÊ PRECISA DE UM SERVIÇO DE HACKING GENUÍNO E...

  • Anónimo

    SE VOCÊ PRECISA DE UM SERVIÇO DE HACKING GENUÍNO E...

  • Anónimo

    QUERO HACKEAR UM BLOG!!!!!!!!!!!!!!!!!

  • Anónimo

    oi me explica mais siobre isso


Arquivo

  1. 2014
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2013
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2012
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2011
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2010
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2009
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2008
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D

Pesquisar

Pesquisar no Blog