Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Ira Gershwin – Letrista norte-americano

por António Filipe, em 17.08.13
No dia 17 de Agosto de 1983, morreu o letrista americano Ira Gershwin, que tinha nascido em Brooklyn, Nova Iorque, a 6 de Dezembro de 1896.

Era tido como um jovem tímido que passava a maior parte do tempo em casa, a ler. Desde a escola primária até à universidade teve papel de notoriedade em diversos jornais e revistas. Formou-se no City College de Nova Iorque e viria a ser o primeiro letrista de canções a ganhar o Prémio Pullitzer.
Colaborou com o seu irmão mais novo, o compositor George Gershwin, na criação de algumas das canções mais memoráveis do séc. XX. Ambos escreveram mais de uma dúzia de espectáculos para a Broadway, que incluíam canções como "I Got Rhythm," "Embraceable You," "The Man I Love" e "Someone to Watch Over Me,". Também escreveram a famosa ópera “Porgy and Bess”.
O sucesso que os dois irmãos tiveram ofuscou, muitas vezes, o papel criativo que Ira desempenhou na parceria com George. Mas ninguém sabe como seriam as músicas de George Gershwin sem as palavras do irmão, que dizia divertir-se a ouvir o roncar de um elevador, o tinir de um telefone, o chiar de um pneu vazio, o roufenho de uma buzina, o rouquejar de uma voz, o lixar de um fósforo, o estremecer de dinamite ou o gotejar de um caleiro…
A competência de Ira Gershwin como compositor de canções continuou depois da morte prematura do irmão. Continuou a escrever canções de sucesso com compositores como Jerome Kern, Kurt Weill e Harold Arlen.


“I Got Plenty o'Nuttin” e “Bess, You is My Woman Now”, da ópera “Porgy and Bess”, de George Gershwin
Soprano: Angela Brown
Baixo-barítono: Kevin Dias
Orquestra Sinfónica da Cidade de Moscovo
Maestro: Sergey Kondrashev

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 00:01


Kenneth Spencer – Barítono americano

por António Filipe, em 25.04.13
No dia 25 de Abril de 1913 nasceu em Los Angeles, Califórnia, o barítono americano Kenneth Spencer.

Teve lições de voz, em privado, enquanto trabalhava como jardineiro, até que chamou a atenção do tenor Ronald Hayes, que o ajudou a conseguir uma bolsa de estudo na Eastman School of Music. Ao acabar o curso, em 1938, tentou fazer da música a sua carreira, mas encontrou muitos obstáculos, devido à discriminação racial que existia nos Estados Unidos.
Nos anos 40, Spencer teve os seus primeiros sucessos como artista de concerto e de rádio, na Califórnia, o que o levou a ser escolhido, em 1943, para interpretar papéis importantes em dois filmes da MGM, um musical e um filme de guerra. Contracenou com Lena Horne e Louis Armstrong. Voltou, depois, à Broadway, onde interpretou o papel de Joe na aclamada produção de 1946 do musical “Show Boat”, de Jerome Kern.

No dia 25 de Fevereiro de 1964 um avião da Eastern Airlines caiu no Lago Pontchartrain, pouco depois de ter saído do Aeroporto Internacional de New Orleans. Morreram todos os passageiros e tripulantes. Nele viajava o barítono Kenneth Spencer.


“I got plenty of nuttin’”, da ópera "Porgy and Bess", de Gershwin
Baixo: Kenneth Spencer

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 00:01


Billie Holiday – Cantora norte-americana*

por António Filipe, em 17.07.12

 

No dia 17 de Julho de 1959, um médico de Nova Iorque confirmou o óbito de uma mulher cujo verdadeiro nome era Eleanor Fagan Gough. Os fãs tratavam-na por Lady Day. Mas foi ainda outro o nome por que ficou conhecida aquela que muitos consideram a maior de todas as cantoras de jazz.
Billie Holiday era, aos 14 anos, prostituta. Admirados? Pois olhem que não foi isso o pior que lhe aconteceu. Logo quando nasceu, ficou sem o pai. Ele, então com a bonita idade de 15 anos, tocava guitarra e banjo e um dia foi-se embora, atrás de uma banda de jazz. A bebé Billie e sua mãe, com a não menos airosa idade de 13 anos, ficaram entregues a si próprias.
Assim começou a vida de Billie Holiday.
Mas, para uma menina negra, pobre e americana, sempre poderia vir pior. E veio: aos 10 anos, Billie foi violentada por um vizinho e acolhida – ela, não ele – numa casa de correcção de menores. Aos 12 anos saiu e foi lavar escadas para sobreviver. Só aos 14 caiu na prostituição.
Um dia, Billie e a mãe receberam ordem de despejo. A miúda foi a um bar e ofereceu-se para dançar. Um desastre. O pianista do bar teve pena e perguntou-lhe se sabia cantar. No final da noite, Billie Holiday assinava o seu 1º contrato de trabalho, como cantora. Tinha 15 anos.
Viveu em glória até aos 25. O álcool e as drogas foram mais fortes do que a voz que o mundo inteiro admirava e os entendidos adoravam.

* Texto de António Leal Salvado http://quadratim.blogspot.pt/search?q=billie


“I Loves You Porgy”, da opera “Porgy and Bess”, de George Gershwin
Billie Holiday

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 00:01


página facebook da pegadatwitter da pegadaemail da pegada



Comentários recentes

  • Anónimo

    Olá pessoal, Você precisa de serviços de hackers? ...

  • Anónimo

    Se você precisar de um serviço de hackeamento prof...

  • Anónimo

    Muitas pessoas disseram que os hackers invadiram d...

  • Anónimo

    SE VOCÊ PRECISA DE UM SERVIÇO DE HACKING GENUÍNO E...

  • Anónimo

    SE VOCÊ PRECISA DE UM SERVIÇO DE HACKING GENUÍNO E...

  • Anónimo

    SE VOCÊ PRECISA DE UM SERVIÇO DE HACKING GENUÍNO E...

  • Anónimo

    SE VOCÊ PRECISA DE UM SERVIÇO DE HACKING GENUÍNO E...

  • Anónimo

    QUERO HACKEAR UM BLOG!!!!!!!!!!!!!!!!!

  • Anónimo

    oi me explica mais siobre isso

  • Anónimo

    Necesita un préstamo urgente para revivir sus acti...


Arquivo

  1. 2014
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2013
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2012
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2011
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2010
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2009
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2008
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D

Pesquisar

Pesquisar no Blog