Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Tatiana Troyanos – Mezzo-soprano americana

por António Filipe, em 21.08.12

No dia 21 de Agosto de 1993 morreu, em Nova Iorque, a mezzo-soprano americana Tatiana Troyanos. Tinha nascido na mesma cidade no dia 12 de Setembro de 1938. Cursou canto na Forest Hills High School e, em 1963, fez a sua estreia como profissional, na Ópera de Nova Iorque. Nas décadas de setenta e oitenta foi uma das vozes preferidas do público do Metropolitan, aclamada pela sua voz sensual e quente, pela sua versatilidade, pela sua beleza e pela intensidade de todas as suas interpretações.
Tatiana era, pela tessitura da sua voz, um mezzo-soprano dramático, o que significa que possuía uma voz de grande amplitude e capaz de interpretar papéis que exigem potência e intensidade de expressão vocal.
É o caso do papel da protagonista Carmen, a cigana trabalhadora na fábrica de tabaco e destroçadora de corações, na popular ópera de Georges Bizet – talvez a mais consagrada das interpretações da cantora.


“Seguidille”, da ópera “Carmen”, de Bizet
Mezzo-soprano: Tatiana Troyanos
Tenor: Placido Domingo
Orquestra do Metropolitan Opera de Nova Iorque
Maestro: James Levine

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 00:01


Jules Massenet – Compositor francês

por António Filipe, em 13.08.12

No dia 13 de Agosto de 1912 morreu, em Paris, o compositor francês Jules Massenet, que foi especialmente conhecido pelas suas óperas, muito populares no final do século XIX e início do século XX. Tinha nascido em Montaud, perto de Saint-Étienne, no dia 12 de Maio de 1842. Começou por destacar-se como instrumentista de orquestra. Desde jovem, porém, dedicou-se à produção dramática e apresentou a sua primeira ópera quando tinha apenas 21 anos. Mudou-se com a família para Paris, para poder estudar no conservatório. Ganhou o "Grand Prix" de Roma, em 1862, e viveu na capital italiana durante três anos. O seu primeiro grande sucesso foi a oratória “Marie-Madeleine”, aclamada pelos seus contemporâneos Tchaikovsky e Gounod. Em 1870, Massenet deixou de compor para cumprir o serviço militar na guerra Franco-Prussiana. Regressou um ano depois, quando acabou a guerra.
Foi professor de composição no Conservatório de Paris a partir de 1878. Entre os seus alunos encontrava-se Gustave Charpentier. As suas óperas mais famosas foram: Manon (estreada em 1884), Werther (em 1892) e Thaïs (em 1894). São representadas frequentemente, com enorme sucesso. A ópera Don Quixote, que compôs 2 anos antes de morrer, destacou-se pelo estilo seco e humor melancólico. Além das óperas, escreveu também ballets, oratórias, cantatas, peças orquestrais e cerca de 200 canções.
Controverso na sua época, Massenet foi muito admirado por uns e muito criticado por outros. Nietzche chamou-lhe mesmo “Wagner de segunda classe”.


“Meditação”, da ópera “Thaïs”, de Jules Massenet
Violino: Sarah Chang
Maestro: Placido Domingo

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 00:01


página facebook da pegadatwitter da pegadaemail da pegada



Comentários recentes

  • Aboubacar Aboubacar Sacko

    Se você precisar dos serviços de um hacker ético c...

  • Anónimo

    Eles são um grupo profissional de hackers além da ...

  • Anónimo

    Quando se trata de hackers, somos profissionais, t...

  • Anónimo

    ENTRE EM CONTATO PARA TODOS OS TIPOS DE TRABALHO H...

  • Anónimo

    Se você precisar de um serviço de hackeamento prof...

  • Aboubacar Aboubacar Sacko

    Se você precisar dos serviços de um hacker ético c...

  • Anónimo

    OLÁ!!! Você é um homem ou uma mulher? Você precisa...

  • Anónimo

    Se você precisar de um serviço de hackeamento prof...

  • Anónimo

    Ile é conectado como o controle de acesso à Intern...

  • Anónimo

    Eles são conhecidos como os onipotentes gurus da I...


Arquivo

  1. 2014
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2013
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2012
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2011
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2010
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2009
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2008
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D

Pesquisar

Pesquisar no Blog