Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Hector Berlioz – Compositor francês

por António Filipe, em 08.03.12

No dia 8 de Março de 1869 morreu, em Paris, o compositor francês Hector Berlioz. Tinha nascido em La Côte-Saint-André, perto de Grenoble, a 11 de Dezembro de 1803. Embora muito cedo revelasse talento musical, aos dezoito anos a família enviou-o para Paris, para tirar um curso de medicina. Atraído pelo Teatro da Ópera e pelo movimento artístico da metrópole, não tardou em trocar a universidade pelo conservatório, onde só conseguiu entrar aos 22 anos: a desaprovação dos pais custar-lhe-ia quase dez anos de aborrecimentos.
A vida de Berlioz foi marcada por constantes dissabores. Apaixonou-se perdidamente pela actriz irlandesa Harriet Smithson, mas só depois de seis anos de sofrimento casou com ela… e depois foram os dois infelizes. Depois de várias tentativas sem sucesso, conquistou, em 1830, o prémio de Roma.
Berlioz não conseguia fazer aceitar a sua arte: a miséria material persegui-lo-ia até aos últimos dias. O ambiente de Paris era-lhe em tudo adverso: a música sinfónica e instrumental era inteiramente desprezada, em benefício de uma vaga de óperas medíocres, de Auber, Halévy e outros.
Para sobreviver, colaborou no Jornal dos Debates, como crítico musical, trabalho que odiava. Em 1839 foi nomeado conservador da biblioteca do conservatório, único posto oficial que ocupou. A partir de 1840, viajou como regente de orquestra. Foi dessa época a sua paixão por Marie Recio, cantora sem sucesso, e que não lhe traria menos infelicidades do que a primeira mulher. Recebeu, contudo, o estímulo de um reconhecimento entusiástico por parte de Paganini, que o considerava dono de um invulgar talento. Em 1852, Liszt organizou em Weimar uma ‘Semana Berlioz’, cujo êxito não chegou para equilibrar a situação financeira do compositor. A sua obra continuava a não ser muito apreciada na França.
Os últimos anos foram os mais amargos para Berlioz. Apenas uma viagem à Rússia, em 1867, o salvou do total colapso financeiro. Deu uma série de concertos em Moscovo, conheceu a música do grupo dos ‘Cinco’ e descobriu o génio de Mussorgsky. Mas acabaria por morrer na solidão, em Paris, no dia 8 de Março de 1869.


4º andamento da Sinfonia Fantástica, de Berlioz
Orquestra Sinfónica NHK, Tóquio
Maestro: Pinchas Steinberg

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 00:01


Ferdinand Hérold - Compositor

por António Filipe, em 19.01.12

No dia 19 de Janeiro de 1833 morreu, em Paris, o compositor francês Ferdinand Hérold, conhecido pelas suas óperas e ballets. Tinha nascido na mesma cidade a 28 de Janeiro de 1791. As suas primeiras aulas de música foram em casa, com o pai, pianista e compositor, tendo sido admitido mais tarde no Conservatório de Paris. Em 1812 concorreu ao prestigiado “Prix de Rome” com as suas peças para piano. Como vencedor do 1º prémio foi para Itália onde conviveu com Paisiello e Zingarelli que o incentivam a compor ópera. É assim que surge “A juventude de Henrique V”, a primeira ópera de Hérold e um estrondoso sucesso em Nápoles, onde trabalhava como pianista para a rainha Carolina.
Em 1827, um ano após o êxito da sua ópera Marie, tornou-se maestro do coro da Ópera de Paris. Um ano depois consagrou-se também como compositor de ballets com “La Fille mal gardée”. A ópera Zampa chegou com um estrondoso sucesso em 1831, ano em que Ferdinand Hérold começava a evidenciar problemas de saúde, sendo que, no dia 19 de Janeiro de 1833, pouco depois da estreia da sua ópera “Le Prés-au-Clercs”, morreu de tuberculose, em Paris. A sua música ainda hoje permanece bastante popular na França, Itália e Alemanha, sobretudo à custa do bailado “La Fille mal gardée” e da ópera “Zampa”.


Abertura da ópera “Zampa”, de Ferdinand Hérold
Orquestra Sinfónica NHK
Maestro: Wolfgang Sawallisch

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 00:01


página facebook da pegadatwitter da pegadaemail da pegada



Comentários recentes

  • Anónimo

    kkkk tipo a classe média de Cuba ou da Venezuela?

  • Anónimo

    Olá, telespectadores, quero compartilhar minha exp...

  • Anónimo

    Eles são um grupo profissional de hackers além da ...

  • Anónimo

    Muitos QUEREM SER HACKERS ONLINE Cuidado com os am...

  • Barei Khan

    Olá, deparei-me com um grupo de hackers certificad...

  • Anónimo

    SE VOCÊ PRECISA DE UM SERVIÇO DE HACKING GENUÍNO E...

  • Anónimo

    SE VOCÊ PRECISA DE UM SERVIÇO DE HACKING GENUÍNO E...

  • SALLY PAUL

    NOTA: Se vocêestá procurando uma empresa de emprés...

  • MIKE BLIZZ

    Por que você vai ao banco pedir um empréstimo que ...

  • MARK DOROTHY

    Do you suffer financially or do you need emergency...


Arquivo

  1. 2014
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2013
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2012
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2011
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2010
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2009
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2008
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D

Pesquisar

Pesquisar no Blog