Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



O fantástico e inexistente caso do deputado José Lello

por Rogério Costa Pereira, em 30.01.12

A justificação que José Lello deu para não ter declarado os 685 mil euros parece-me perfeitamente aceitável. Ele não diz que se esqueceu, ele refere que não sabia que havia que declarar, uma vez que nunca tinha tomado o dinheiro como seu. Isto, tendo em conta que tal verba tem origem na venda de uma quinta herdada pela sua mulher. Não é dinheiro sujo, não tem origens dúvidosas, para mim o assunto está encerrrado e a teleologia normativa cumprida. Quanto à questão formal da não declaração, há agora que verificar qual a cominação legal para o esquecimento. Existe?, não existe? Pois cumpra-se no primeiro caso, lamente-se no segundo e mude-se a lei. Nada mais tenho a acrescentar porque... nada mais há a acrescentar. Nada para investigar, nada de gatos escondidos com o rabo de fora. Sigamos, pois, que não é por aqui que o país se resolve. Uma última nota: sabe quem me conhece, pessalmente e por estas vias da blogosfera, que a minha reacção seria exactamente esta fosse qual fosse o deputado, fosse qual fosse o partido.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 10:51


O lello cigano

por Luis Moreira, em 25.01.12
Sempre pensei que a melhor forma de resolver o problema que temos com o baixo nível dos deputados era por-lhes um calmante na água. Deixavam de fazer mal e más leis, não abriam a matraca, não gastavam telefone e energia e logo que acordassem iriam fazer uma auscultação a uma qualquer freguesia...
Ter uma casa paga pelo estado é uma boa ideia, mesmo que tenham casa em Lisboa, assim sempre podem dizer à família que estão a ultimar um relatório para a Assembleia, enquanto se deliciam com um opíparo jantar que dura até às tantas. Não há pressa em deitar nem há sono, isso recupera-se enquanto os da fila da frente estão convencidos que mandam alguma coisa.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 13:00


página facebook da pegadatwitter da pegadaemail da pegada



Comentários recentes

  • Anónimo

    Olá pessoal, Você precisa de serviços de hackers? ...

  • Anónimo

    Se você precisar de um serviço de hackeamento prof...

  • Anónimo

    Muitas pessoas disseram que os hackers invadiram d...

  • Anónimo

    SE VOCÊ PRECISA DE UM SERVIÇO DE HACKING GENUÍNO E...

  • Anónimo

    SE VOCÊ PRECISA DE UM SERVIÇO DE HACKING GENUÍNO E...

  • Anónimo

    SE VOCÊ PRECISA DE UM SERVIÇO DE HACKING GENUÍNO E...

  • Anónimo

    SE VOCÊ PRECISA DE UM SERVIÇO DE HACKING GENUÍNO E...

  • Anónimo

    QUERO HACKEAR UM BLOG!!!!!!!!!!!!!!!!!

  • Anónimo

    oi me explica mais siobre isso

  • Anónimo

    Necesita un préstamo urgente para revivir sus acti...


Arquivo

  1. 2014
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2013
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2012
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2011
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2010
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2009
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2008
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D

Pesquisar

Pesquisar no Blog