Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Guiomar Novaes – A maior pianista brasileira

por António Filipe, em 28.02.12

No dia 28 de Fevereiro de 1894, em São João da Boa Vista, no estado de São Paulo, nasceu Guiomar Novaes, considerada a maior pianista brasileira e uma das maiores celebridades nos meios musicais da Europa e dos Estados Unidos, no início do século XX.
Cresceu no seio de uma família de 19 crianças e num ambiente religioso. O piano, presente na sua casa e utilizado nas aulas das suas irmãs mais velhas, despertou o interesse de Guiomar, que, aos 4 anos, começou a tocá-lo de ouvido. Esperava que as irmãs deixassem o teclado para se sentar e tocar "até os dedos doerem". Aos 8 anos tocava com precisão técnica e notável sensibilidade interpretativa.
Em 1909, aos 15 anos, com a ajuda do Governo do Estado de São Paulo, partiu para a Europa para tentar uma vaga no Conservatório de Música de Paris. Avaliada por um júri formado por músicos como Debussy, Moszckowski e Fauré, foi escolhida como a candidata com os melhores dotes artísticos. Entre as peças que tocou na prova estava a Balada nº 3, de Chopin. No final da prova, Debussy pediu à menina que tocasse novamente a balada. Ficou em 1º lugar. Em Julho de 1911, na prova de encerramento do curso, venceu a prova, que contava com 35 concorrentes, e ganhou o primeiro prémio, que compreendia a quantia de 1200 francos e um piano de cauda.
Depois de deixar o Conservatório de Paris, teve várias ofertas de contractos, tocando em Paris, Londres, Genebra, Milão e Berlim. Em 1913, regressou ao Brasil e apresentou-se no Teatro Municipal de São Paulo e no Teatro Municipal do Rio de Janeiro. Com a orquestra de Gabriel Pierné, Guiomar Novaes percorreu toda a Europa. A Primeira Guerra Mundial obrigou-a a voltar a São Paulo – mas no ano seguinte estabeleceu-se nos Estados Unidos, onde construiu uma importante carreira. Em 1967 foi convidada pela rainha Isabel II de Inglaterra para dar um recital em Londres.
Além de ter sido grande divulgadora da obra do seu compatriota Heitor Villa-Lobos, foi especialmente brilhante a interpretar Schumann e Chopin.
Em Janeiro de 1979, Guiomar Novaes sofreu um derrame cerebral e o seu estado de saúde começou a degradar-se. Veio a falecer a 7 de Março de 1979, aos 85 anos, vítima de enfarte de miocárdio.


3º andamento (Marcha fúnebre) da Sonata nº 2, op. 35, para piano, de Chopin
Piano: Guiomar Novaes

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 00:01


Maestro Jonel Perlea

por António Filipe, em 13.12.11

Filho de pai alemão e mãe romena, Jonel Perlea nasceu a 13 de Dezembro de 1900, em Ograda, na Roménia. Em 1923, depois de ter estudado em Munique e em Leipzig, estreou-se, como maestro, em Bucareste, dirigindo uma das suas composições. No ano seguinte foi maestro assistente, em Rostock. Depois de um período de serviço militar obrigatório, no seu país de origem, juntou-se ao elenco da Ópera Real, em Bucareste. Quatro anos mais tarde torna-se director musical da ópera, com tarefas na Royal Academy of Music e na Orquestra Filarmónica de Bucareste.
Durante os dez anos que passou em Bucareste, Jonel Perlea dirigiu as estreias de “O Cavaleiro da Rosa”, “Falstaff” e “Os Mestres Cantores de Nuremberga”. Em 1944, foi preso pelos nazis, depois de uma tentativa frustrada de fuga para França. Os anos seguintes foram passados em Itália, com compromissos no Teatro La Scala de Milão, dirigindo “Sansão e Dalila”, “Wether” e “Fidélio”, de 1947 a 1950. Durante a temporada de 1950-51, dirigiu “Tristão e Isolda”, “La Traviata”, “Rigoletto” e “Carmen”, no Metropolitan Opera de Nova Iorque.
Foi professor de direcção de orquestra na Manhattan School of Music, em Nova Iorque, entre 1955 e 1970, sendo, também, maestro da Orquestra Sinfónica de Connecticut, em 1955. Em 1957, Perlea foi vítima de um ataque cardíaco e, no ano seguinte, de um AVC, que o forçou a habituar-se a dirigir a orquestra só com o braço esquerdo. Morreu em Nova Iorque a 29 de Julho de 1970, com 69 anos.


1º andamento do Concerto nº 5 (“Imperador”), para piano e orquestra, de Beethoven
Pianista-Guiomar Novaes
Orquestra Sinfónica de Bamberg
Maestro: Jonel Perlea

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 00:12


página facebook da pegadatwitter da pegadaemail da pegada



Comentários recentes

  • Anónimo

    Se você precisar de um serviço de hackeamento prof...

  • Anónimo

    Muitas pessoas disseram que os hackers invadiram d...

  • Anónimo

    SE VOCÊ PRECISA DE UM SERVIÇO DE HACKING GENUÍNO E...

  • Anónimo

    SE VOCÊ PRECISA DE UM SERVIÇO DE HACKING GENUÍNO E...

  • Anónimo

    SE VOCÊ PRECISA DE UM SERVIÇO DE HACKING GENUÍNO E...

  • Anónimo

    SE VOCÊ PRECISA DE UM SERVIÇO DE HACKING GENUÍNO E...

  • Anónimo

    QUERO HACKEAR UM BLOG!!!!!!!!!!!!!!!!!

  • Anónimo

    oi me explica mais siobre isso

  • Anónimo

    Necesita un préstamo urgente para revivir sus acti...

  • Anónimo

    SE VOCÊ PRECISA DE UM SERVIÇO GENUÍNO E PROFISSION...


Arquivo

  1. 2014
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2013
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2012
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2011
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2010
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2009
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2008
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D

Pesquisar

Pesquisar no Blog