Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Passos Coelho obediente e obrigado

por Luis Moreira, em 28.05.12

Há uma luta acesa à volta das Eurobonds (eurobrigações ). É uma ideia que ganha força com cada vez mais países a fazerem pressão. Mesmo a senhora Merkel começa a ceder face às muitas vozes alemãs que se juntam. E, há gente a estudar o problema. Da própria Alemanha vêm sugestões. A mutuação das  obrigações seria repartida conforme os países por forma que a taxa global baixasse mas as taxas nacionais, dos países que gozam baixas taxas, não sofressem penalizações. E que essas eurobrigações fossem aplicadas à parte da  divida superior a 60% do PIB ( nível de dívida externa considerada boa).

Ora, enquanto estes políticos e técnicos torram a cabeça a pensar no problema, consciente sua sua utilidade para se sair da crise muito mais rapidamente, o nosso governo, segue o caminho do "obediente e obrigado". Foi dizer à senhora Merkel que estará do seu lado mesmo quando o país, que lhe compete governar, estiver no charco. Em vez de se juntar (não precisa de arranjar uma inimiga ) aos que procuram soluções o "nosso" primeiro "agacha-se" a ver se alguém toma por ele as decisões que se impõem e  que exigem coragem.

Passos Coelho diz que "por agora" os eurobonds não são necessários nem aconselháveis!

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:30

Bomba relógio:

Portugal tem uma bomba-relógio prestes a explodir na dívida pública por causa dos compromissos do Estado que ainda estão fora do perímetro do défice e do endividamento oficial (regras de Maastricht) que terão de ser gradualmente assumidos em várias empresas públicas e nas parcerias público privadas (PPP) das estradas, essencialmente.

O Fundo Monetário Internacional (FMI) diz que fora da tal conta oficial que vale para as estatísticas europeias há cerca de 25 mil milhões de euros (15% do Produto Interno Bruto) em “passivos contingenciais” que podem fazer subir o rácio do endividamento público já em 2013, dos 115% do PIB oficialmente previstos pela troika para um valor superior a 130%.

Buracos financeiros por tudo quanto é lado.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:31



Este crime é o pai de todos os outros. Em vez de autoestradas e estádios de futebol é preciso investir na agricultura, nas pescas, na indústria, no turismo...

Abaixo de 2% não cria emprego nem riquesa. Como não criamos riquesa pedimos emprestado:



E como é que pagamos a dívida e os juros se não criamos riqueza? Convêm lembrar isto a quem anda muito zangado com a austeridade. Claro que a agenda para o crescimento dá resultados daqui a um ano com um bocado de sorte. É, por isso, por haver esse desfasamento temporal que é necessário manter a austeridade em paralelo .   

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 15:00

Uma vergonha nacional. A PJ à porta, dívida oculta, não apresentação de contas à Assembleia Regional. Só há plenários quando o Presidente da Bancada do PSD-M tem um buraco na sua agenda pessoal. "Porque isto é uma vergonha, um rombo na democracia e é esta a razão fundamental porque estamos assim. Só fomos surpreendidos pela dívida e situação de calamidade social e económica que vivemos porque a Assembleia Legislativa não cumpriu o seu papel e o PSD não permitiu que cumprisse", concluiu Carlos Pereira.

Soube-se que foi descoberta uma nova dívida oculta superior a 2 mil milhões a somar aos já tristemente conhecidos mil milhões. Estamos perante um gang organizado que assaltou a Região autónoma. A confirmar-se tudo isto os responsáveis deviam responder em tribunal. O que é mais necessário para estes senhores responderem pelos roubos ?

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 12:30

O DCIAP, um obscuro orgão policial do continente, sem qualquer descrição, invadiu as instalações do Governo Regional da Madeira. Tal como o que investiga - a dívida oculta da Madeira - também esta operação devia ser oculta ( insinua Jardim). 

Esta investigação vem no seguimento da queixa apresentada pelo PND contra o Presidente do Governo Regional e diversas entidades - a elite do poder - que terão estado envolvidas no acumular da dívida oculta.

Não é com prazer que vejo Jardim a contas com a Justiça e a jogar a habitual vitimização. Mas é com  orgulho democrático que vejo a Justiça do meu país avançar sobre quem se julgou acima da Lei. Quarenta anos de chantagem, agitando os medos de quem tinha alguma coisa também para esconder, vê-se afinal que não passa de um tigre de papel. Foi interrompida uma cadeia de cumplicidades que envergonhava a democracia!

Com a descrição a que Jardim nos habituou e às escâncaras!

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 15:45


Faltam 180 Milhões de euros na Parque Escolar

por Luis Moreira, em 04.04.12

Esta verba dava para reabilitar mais doze escolas.  O ex-Presidente da Administração não conseguiu explicar a diferença entra o montante que apresentou e o  montante apresentado pelo tribunal de Contas.

Como é isto possível?

Eu, francamente, não encontro explicação por uma coisa destas. As contas estão "marteladas" ? Mas se a empresa é uma Sociedade Anónima os seus balanços e Contas de exploração não têm que bater certos? Um simples " mapa de origem e aplicações de fundos" mostra de imediato a diferença e de onde vem.

Mas o que nos é informado é uma meia verdade ou , no mínimo, vem envolto em roupagem de politiquês. Não é para perceber.

Na verdade, esta empresa financiava-se no sistema bancário, basta ver a quanto montam esses financiamentos e verificar onde foram aplicados. Se não foram aplicados jazem no fundo de uma qualquer conta bancária.( que também é uma aplicação)

Desapareceu a conta bancária numa qualquer off shore? Cento e oitenta milhões de euros?

Não basta dizer que "este é o maior ataque à escola pública" é preciso que todos saibamos do que estamos a falar. O ex-presidente quando se dirigiu à Comissão na AR sabia perfeitamente que esta diferença seria objecto de análise e de perguntas. Torna-se ainda mais incompreensível que não tenha encontrado uma boa resposta. Uma coisa é certa. O estado está a arder com uma importância muito grande e, que se saiba, o dinheiro não é fêmea e não se desloca sozinho.

E o administrador financeiro e o Director financeiro nenhum deles tem nada a dizer sobre as contas erradas dos seus mapas financeiros? Não deram conta que o deve e o haver têm que se igualar?

Numa qualquer empresa SA com accionistas privados este assunto acabava na Polícia Judiciária!É no que dá administradores e quadros incompetentes, sem experiência, boys e girls com a quota em dia!

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 11:00

Uma grande parte da dívida nacional resulta de juros altíssimos e do jogo financeiro. É ilegítima!

«Portugal paga 8 mil milhões de euros de dívida este ano, mas daqui a poucos anos vai pagar 21 mil milhões de euros num único ano, quase três vezes mais», nota o líder e fundador do BE, considerando que os sacrifícios impostos aos países constituem «uma renda permanente de longo prazo para o capital financeiro».

Francisco Louçã refere que um dos objectivos ao escrever este livro é mostrar à opinião pública «as estratégias da dívida, a política da dívida, a tirania da dívida».

Também me parece que nas contas finais grande parte desta dívida será congelada, até porque Portugal com uma economia a crescer abaixo de 1% não vai poder pagar.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 13:00


Isto ainda vai acabar mal - Espanha

por Luis Moreira, em 21.01.12

A ver si esto se logra, que lleva dando muchas vueltas esta idea...

¿POR QUÉ LOS BANCOS, CUANDO SE QUEDAN CON TU VIVIENDA LA PUEDEN VENDER SIN PONERLA A SU NOMBRE Y ASÍ NO PAGAR EL 7% DE TRANSMISIONES PATRIMONIALES ? ¿CUÁNTOS MILES DE MILLONES DE EUROS TENDRÍAN QUE PAGAR A HACIENDA?

CALCULANDO QUE HAYA 1 MILLÓN DE VIVIENDAS QUE LOS BANCOS HAN ARREBATADO A LOS HIPOTECADOS FALLIDOS Y PONIENDO UN VALOR MEDIO A LA VIVIENDA DE 200.000 EUROS, ...
SERIA:
1.000.000 X 200.000 = 200.000.000.000 MIL. X 7% = 14.000.000.000 MILLONES
                             ¡¡ Y NADIE DICE NI MU... !! ¿POR QUÉ?
TODO ENCAJA...."PUERTA DEL SOL" Y "PLAÇA CATALUNYA"...
LA REDUCCIÓN DEL DÉFICIT HA DE PASAR, EN PRIMER LUGAR, POR LA REDUCCIÓN DEL SUELDO Y PRIVILEGIOS DE TODOS LOS POLÍTICOS. INCOMPATIBILIDAD DE SUELDOS Y DE CARGOS PARA TODOS LOS POLÍTICOS Y ALTOS CARGOS.  Me llega este escrito y me 'invitan' a que NO LO PARE. NO LO HARÉ ya que, casi todo lo que dice es para tenerlo en cuenta, está abierto para todo aquel que crea y quiera poner más propuestas.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 17:55


Auditar a Dívida Pública

por Luis Moreira, em 16.01.12
Auditar a Dívida Pública é um dever de cidadania. ( A nossa Candeia)

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 09:00

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 18:39


30 756 cidadãos querem julgar José Sócrates

por Luis Moreira, em 10.01.12

E porquê? Porque ao contrário do que muito se publica, Sócrates duplicou a dívida pública e as pessoas querem saber para onde foi o dinheiro.

Esta petição é um acto democrático não por ser contra Sócrates mas porque estas petições e todos os actos que reforcem a participação dos cidadãos devem ser apoiadas. O que é curioso é que também corre uma petição de gente apoiante de Sócrates que querem "auditar a dívida pública". Eu apoio as duas petições!

Este país só muda se a sociedade civil for mais forte e mais participativa!

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 18:00


Políticos imbecis diz o deputado europeu...

por Luis Moreira, em 19.12.11

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 15:00


Fui ao Cinema - A Dívida

por Luis Moreira, em 01.12.11

Com um grande risco, e considerável custo pessoal, a missão da equipa de espionagem foi concluída – ou não terá sido? O suspense se instala e por entre dois períodos de tempo diferentes, com muita ação e revelações surpreendentes.”

No Limite da mentira. Três agentes Israelitas da Mossad reencontram, após 30 anos, o rasto de um criminoso. "

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:00


Eu quero voltar para a minha ilha deserta...

por Luis Moreira, em 21.10.11

Lembram-se daquele programa parvo televisivo em que um naufrago era salvo por um barco português e, que, após lhe contarem o que se passava em Portugal começou a gritar : Eu quero voltar para a minha ilha deserta!

Leio todos os dias textos em blogues, que só me dão vontade de voltar a ser o eremita da Av. Guerra Junqueiro, ler um livro, beber umas minis e ver as "teens". Dizem, esses blogues, com o ar mais sério desta vida, mas todos, dos mais lidos aos menos lidos, de pessoas com o dever de saberem o que estão a dizer aos que pura e simplesmente "aos autos dizem nada" o seguinte:

Segundo eles, retira-se os subsídios aos trabalhadores, os trabalhadores sem subsídios compram menos, comprando menos cai a procura, caindo a procura cai a oferta, caindo a oferta caiem os impostos e o emprego...

Esquecem-se estes sabichões das dúzias que 80% do que comemos ou, melhor, que consumimos, é importado, pelo que o sagrado círculo em que estão prisioneiros é, antes assim: temos mais dinheiro compramos mais, comprando mais, consumimos mais, consumindo mais, importamos mais, importando mais temos que pagar ao estrangeiro, pagar ao estrangeiro exige ter dinheiro que não temos. E não se apercebem que foi isso mesmo que nos últimos 20 anos andamos a  fazer, a pedir dinheiro emprestado ao estrangeiro para pagar o que consumimos e que importamos e, agora, a nossa dívida externa está fora de controlo...

Se deixassem a procura interna ( excelente se for de bens e serviços nacionais) e falassem antes do empobrecimento a que todos nós, cidadãos, estamos votados.

Alguém tem que ir para a ilha deserta! 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:00


página facebook da pegadatwitter da pegadaemail da pegada



Comentários recentes

  • Anónimo

    Eles são conhecidos como os onipotentes gurus da I...

  • Anónimo

    OLÁ, você precisa de um serviço de hackers? Você e...

  • Anónimo

    Eles são um grupo profissional de hackers além da ...

  • Wahid Miha Wahid Miha

    Se você precisar dos serviços de um hacker ético c...

  • Anónimo

    They are a professional group of hackers beyond th...

  • Anónimo

    Olá, o carregamento de bitcoin está disponível no ...

  • Anónimo

    Olá, o carregamento de bitcoin está disponível no ...

  • Anónimo

    Olá, o carregamento de bitcoin está disponível no ...

  • Anónimo

    Olá, o carregamento de bitcoin está disponível no ...

  • Wahid Miha Wahid Miha

    Se você precisar dos serviços de um hacker ético c...


Arquivo

  1. 2014
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2013
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2012
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2011
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2010
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2009
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2008
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D

Pesquisar

Pesquisar no Blog  



subscrever feeds