Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]


No dia 28 de Julho de 1840, estreou-se, em Paris, a Grande Sinfonia Fúnebre e Triunfal, do compositor francês Hector Berlioz. Foi o próprio compositor que dirigiu a orquestra. Com uma espada, em vez de uma batuta!

A Grande Sinfonia Fúnebre e Triunfal, op. 15, é a quarta e última sinfonia de Berlioz. O governo francês patrocinou a obra para as comemorações do décimo aniversário da Revolução de Julho, que levou ao poder o Rei Luís Filipe. Berlioz tinha pouca simpatia pelo sistema, mas aproveitou a oportunidade de ganhar os 10 mil francos oferecidos pelo governo.

Inicialmente intitulada “Sinfonia Militar”, a partitura foi composta em apenas 40 dias, segundo afirmou o próprio compositor, que usou partes de outras obras que ainda não tinha acabado.

A estreia foi um estrondoso sucesso. Foi interpretada mais duas vezes em Agosto e tornou-se uma das obras mais populares durante a vida do compositor. Berlioz fez uma revisão à sinfonia em Janeiro de 1842, adicionando uma parte opcional para cordas e um coro final, com um texto de Antony Deschamps. Richard Wagner assistiu a uma interpretação desta nova versão, na Salle Vivienne, no dia 1 de Fevereiro de 1842. No dia 5, disse a Robert Schumann que encontrou passagens, no último andamento da sinfonia de Berlioz, tão “magníficas e sublimes que nunca será possível ultrapassá-las”.


4º andamento “Apoteose”, da Sinfonia Fúnebre e Triunfal, de Berlioz
Coro John Alldis
Coro e Orquestra Sinfónica de Londres
Maestro: Sir Colin Davis

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 00:01


Stuart Burrows - Tenor

por António Filipe, em 07.02.12

No dia 7 de Fevereiro de 1933, nasceu, no País de Gales, o tenor britânico Stuart Burrows. Considera que o ponto mais alto da sua carreira foi a participação no Festival de Atenas, interpretando o "Oedipus Rex”, de Stravinsky, por designação do próprio compositor. A verdade é que, 29 anos depois da sua estreia na Royal Opera House, em 1967, Burrows tinha-se afirmado como um dos maiores cantores líricos do mundo.
Foi aclamado nas maiores salas de ópera de todo o mundo – da ópera de San Francisco, ao Teatro Cologne de Buenos Aires, à Ópera de Paris ou à Ópera Estatal de Viena, protagonizando os principais papéis de Mozart a Donizetti, de Puccini a Berlioz. Como intérprete convidado, fez digressões com a Royal Opera no Extremo Oriente e no Japão e cantou nas cerimónias dos Jogos Olímpicos de 1984 em Los Angeles.
Familiarizado com os palcos mais exigentes, interpretou papéis de protagonista na Brahmsaal de Viena (considerada a mais importante sala de concerto da Europa), no Teatro La Scala de Milão, no Carnegie Hall e no Metropolitan de Nova Iorque. Com a orquestra do Met, como convidado, fez várias digressões pela América.
Também para a televisão Burrows foi muito solicitado. Fez programas para estações do Canadá, Irlanda, Finlândia, Bélgica, Austrália e França, onde cantou o Requiem de Berlioz, sob a direcção de Bernstein. A BBC dedicou-lhe um programa semanal que, ao longo de 8 anos, teve uma audiência de oitenta milhões de espectadores.


Ária “Il mio tesoro”, da ópera “Don Giovanni”, de Mozart
Tenor: Stuart Burrows
Maestro: Colin Davis
Royal Opera House, Covent Garden, Londres

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 00:01


página facebook da pegadatwitter da pegadaemail da pegada



Comentários recentes

  • Anónimo

    Olá pessoal, você precisa de serviços de hackers?E...

  • Төлөгөн Аимэшхан

    Você precisa de algum serviço de hackers? Você est...

  • Anónimo

    Muitos QUEREM SER HACKERS ON-LINE Cuidado com os a...

  • Anónimo

    Eles são um grupo profissional de hackers além da ...

  • Anónimo

    SE VOCÊ PRECISA DE UM SERVIÇO DE HACKING GENUÍNO E...

  • Төлөгөн Аимэшхан

    Você precisa de algum serviço de hackers? Você est...

  • Anónimo

    SE VOCÊ PRECISA DE UM SERVIÇO DE HACKING GENUÍNO E...

  • Anónimo

    OLÁ, você precisa de um serviço de hackers? Você e...

  • Anónimo

    SE VOCÊ PRECISA DE UM SERVIÇO DE HACKING GENUÍNO E...

  • Anónimo

    SE VOCÊ PRECISA DE UM SERVIÇO DE HACKING GENUÍNO E...


Arquivo

  1. 2014
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2013
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2012
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2011
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2010
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2009
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2008
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D

Pesquisar

Pesquisar no Blog