Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Última hora: a chamada não foi falsa, existiu mesmo!

por Rogério Costa Pereira, em 04.08.11

Joana Barata Lopes

É isso que retiro do esclarecimento dado pela bancada parlamentar que acolhe esta jovenzinha. Que foi tipo toca-e-foge, parecem querer dizer eles. Outros mundos, digo eu.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 21:41


Chamada para o 112: feito o prólogo, venha o epílogo

por Rogério Costa Pereira, em 04.08.11

"O grupo parlamentar do PSD testou o tempo de atendimento das chamadas do INEM através de uma chamada falsa para o 112, o que gerou desentendimento e polémica durante a audição do presidente do instituto na Comissão de Saúde." 

Foi um teste, portanto, um exame, uma análise. Sucede que, e indepentemente do grau de indigência mental  (o qual, dependendo da perspectiva, pode ser pouco, muito ou nenhum) de quem fez ou ordenou o referido teste, e servindo o dito para testar o sistema, deve o mesmo ser agora levado até ao fim. Isto é, feita a chamada falsa, cabe agora às entidades competentes apurar quem a fez e, obviamente, agir em conformidade. É que, caso contrário, fica o teste a meio. E nós sem poder tirar verdadeiras conclusões do peregrino e oficial ensaio. 

Acho que esta malta anda mas é a brincar connosco, francamente. Um deputado, ou conjunto deles, ordena/faz uma chamada falsa para o 112 e vangloria-se disso? É este o ponto a que chegámos? É esta a imagem do país que nos resta? Não me interessa o que pretendiam, o que me interessa (aborrece) é que as consequências vão ser nefastas. Vamos ter agora uma espécie de corrida ao Bet&Dial112, não sei se já se aperceberam disso. E vai haver muito puto (e menos puto) a fazer o jogo que os senhores deputados estrearam. Ganha quem demorar mais tempo a ser atendido. E não vai haver mal nenhum nisso, pensarão os jogadores, afinal foram os deputados que ensinaram.

ADENDA (e porque a questão também é essa e muitos, vê-se pelos comentários a este post, não a perceberam): «“Um deputado deve ser exemplo para a nação e não pode ter atitudes destas que, por mim, roçam aquilo que é legalmente aceitável para além das questões éticas”, afirmou o presidente da associação [que representa os técnicos do INEM]»

ADENDA II: uma breve explicação do INEM

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 10:37


página facebook da pegadatwitter da pegadaemail da pegada



Comentários recentes

  • Aboubacar Aboubacar Sacko

    Se você precisar dos serviços de um hacker ético c...

  • Anónimo

    OLÁ!!! Você é um homem ou uma mulher? Você precisa...

  • Anónimo

    Se você precisar de um serviço de hackeamento prof...

  • Anónimo

    Ile é conectado como o controle de acesso à Intern...

  • Anónimo

    Eles são conhecidos como os onipotentes gurus da I...

  • Anónimo

    Se você precisa de um serviço de hackers genuíno e...

  • Anónimo

    Olá pessoal, você precisa de serviços de hackers?E...

  • Төлөгөн Аимэшхан

    Você precisa de algum serviço de hackers? Você est...

  • Anónimo

    Muitos QUEREM SER HACKERS ON-LINE Cuidado com os a...

  • Anónimo

    Eles são um grupo profissional de hackers além da ...


Arquivo

  1. 2014
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2013
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2012
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2011
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2010
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2009
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2008
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D

Pesquisar

Pesquisar no Blog