Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



A Islândia e isto...

por Rogério Costa Pereira, em 01.12.13

Três coisas, antes de passar a palavra ao Joe Wolf:
1 - Abram os olhos, porra, nós somos a galinha dos ovos de oiro dos mercados (nenhuma dívida rende tanto, "a Berlim e a Manhattan", como a nossa).

2 - Conhecem a história recente da Islândia? Não, pois não? Ora lá está. Da bancarrota a isto, que cito de seguida, foram quatro anos de censura e auto-censura e reverência económica made in "jornalismo-o-rei-manda", honrosas excepções à parte: "(...) a Islândia quatro anos após a crise desceu a taxa de desemprego de 14 para 7%, é o país que mais cresceu na Europa, e a dívida externa baixou para 30% do PIB.]

3 - Surpresa: a Islândia não se afundou nem a afundaram; é possível fazer diferente disto que nos fazem? A Islândia não se afundou nem a afundaram, repito. Não é possível... O preço de um país deixar de existir é algo que arrasaria a negociata dos especuladores (ironias). 


«Diferenças entre o cidadão de Boliqueime e Olafur Grimson, presidente da Islândia

Joe Wolf


Substanciais!
Olafur Grimson, PR Islândia diz:
"Não temos medo dos mercados eles que paguem a crise"
O cidadão de Boliqueime diz:
"insultar os mercados prejudica a economia nacional"
Olafur Grimsom diz:
"Ninguém há-de passar fome num país com mais ovelhas que gente e mais canas de pesca que telemóveis"
O cidadão de Boliqueime diz:
"congratulo-me pelas críticas aos mercados não terem passado além fronteiras"
Olafur Grimsom diz:

"Nunca fecharia uma escola, infantário ou hospital, para pagar as "cowboiadas"e aventuras da Banca ou da Bolsa"
O cidadão de Boliqueime diz:
"é preciso ter muito cuidado com o que se diz na actual conjectura"
Resultado:
Quando se insulta os mercados, a Islândia quatro anos após a crise desceu a taxa de desemprego de 14 para 7%, é o país que mais cresceu na Europa, e a dívida externa baixou para 30% do PIB.

Quando não se insulta os mercados o resultado é... aquele que está à vista.
Agora escolham.»

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 04:40

Em suma − e se bem descodifiquei o linguajar por trás do mastigar de bolo-rei −, ou o PS se entende com a dupla PSD-PP (e nos proporciona uma solução anti-democrática), ou, das duas uma:

  1. Vem aí uma “personalidade de prestígio nacional” para liderar um governo de “salvação nacional";
  2. O PS, ao não aceitar esta ignomínia [se aceitar, morre! de vez e de morte matada], “obriga” o Cavaco a escolher a solução de governo proposta pela dupla PSD-PP.

Ideias soltas:

  • Não alinho na ideia de que isto foi uma moção de censura do Cavaco à proposta do PSD e do PP.
  • Cavaco fez um ultimato ao PS. E não aposto na irrevogabilidade da posição do Seguro.
  • E, sim, agora é a hora dos Verdes avançarem – de imediato; ontem! – com a moção de censura que ainda têm livre (são o único grupo parlamentar que mantêm essa arma disponível).
  • Quem é a “personalidade de prestígio nacional”? Bluff! Nem o Cavaco sabe, quanto mais eu.
  • Os donos do Cavaco devem estar a ter orgasmos múltiplos.
  • A democracia segundo Cavaco: PSD + PS + PP (o resto é paisagem)

Agora digam lá, o Cavaco sabe ou não sabe como “acalmar os mercados”? 

E agora? Agora, não esperemos mais! Para a Rua e em Força!

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 21:31


O Estado da Nação

por Rogério Costa Pereira, em 05.07.13

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:03


A nomeação de Maria Luís Albuquerque para o cargo de Ministra das Finanças é uma provocação reles e vil saída da cabeça de uma criatura infame que, de derrota em derrota que não mata-mas-mói (não ainda totalmente real e eficaz, para meu lamento; que tais derrotas são o lado para onde eles melhor se deitam), insiste em vingar-se de quem, dia após dia -- na rua, nos jornais e nas redes sociais --, faz por lhas infligir. Falo das pedras no caminho do esvaziamento, do despejo, do esgotamento de um país; as areias na engrenagem da aniquilação total. Falo do POVO que ousa respirar.

Para o “neoliberalismo segundo coelho e respectivos caudilhos”, quanto pior melhor. Não quero com isto dizer que Gaspar era melhor do que a ora indigitada – ao nível do “pior é impossível”, não é sério fazer tal comparação. Ao dizer que, para Passos y sus muchachos, “quanto pior melhor”, refiro-me ao pior para Portugal e para os portugueses.

Gaspar era a pedra angular deste governo e das suas políticas de terra queimada. O plano de acabar com Portugal e com os Portugueses, pela via duma espécie de genocídio social, cultural, económico e institucional, sustentando numa espécie de solução final política, foi traçado a régua e esquadro por Gaspar, orientado pelos seus mandantes. E, ainda que fosse factual que Gaspar houvesse sido escolhido por Passos para a função – no que não concedo e apenas por uma questão de raciocínio refiro --, tal não retiraria ponta de verdade ao que atrás disse. Pelo contrário. Passos, eleito pelo voto popular, era a legitimação democrática, salvo seja, de um mercenário pago para trazer o país até aqui. Mas Gaspar já fez o seu trabalho e pode seguir adiante, para outras funções.

Em suma, neste estado de coisas, tanto fazia escolher Maria Luís Albuquerque como a nossa senhora de Fátima. O trabalho já está feito e o barco dos infernos já dispensa Caronte. Aos olhos dos neoliberais, o ideal até dispensaria, neste momento, um ministro das finanças – não vá correr-se o risco de o escolhido não ter a arte e o engenho de ir além de apenas se certificar de que o leme se mantém seguro na direcção do abismo.

Posto isto, e porque parece mal não ter alguém na pasta das Finanças, qual a razão para não dar mais uma cuspidela no POVO e escolher quem, antes de o ser, já reúne todas as condições para não o ser? Penso que foi o João Semedo que disse, as palavras são minhas mas ideia é esta, que a cabeça de Maria Luís Albuquerque podia ser pedida hoje mesmo, que quem o fizesse não cairia no ridículo.

Por mais absurdo que pareça, Passos escolheu Albuquerque para o cargo porque esta já reunia, hoje mesmo, aos olhos da higiene democrática, condições para ser demitida de secretária de estado. Que pior afronta para a democracia e para o regular funcionamento das instituições democráticas do que escolher Albuquerque? Alguém que comprovadamente mentiu e reincidiu na mentira? Antes que alguém ousasse pedir-lhe a cabeça, Passos promoveu-a. E como se deve estar a rir, e como deve estar a ser felicitado pela sua vilanagem companheira.

Se vivêssemos numa Democracia, se tivéssemos um Presidente da República, o governo cairia já hoje. Mas tal não acontece nem vai acontecer pelas mãos de Aníbal, o traidor. Para o decano regedor da destruição pátria, ora elevado a chefe de estado, este é um sonho tornado realidade.

E amanhã assistiremos à alegoria sórdida que aníbal, Passos e seus mandantes nos servem no prato – o gozo primário de homologar a ignomínia. Apesar de não a ter jurado – ou por isso mesmo --, à constituição democrática que cada vez mais se resume ao papel, sinto-me completamente desobrigado de respeitar o estado de sítio actual. E direi e agirei em conformidade.

Não assistirei cego, surdo e mudo a este “quanto pior melhor”, que tem como fim único a destruição e venda a retalho do país do meu filho. Continuarei a não dar para o peditório destes canalhas. Não assistirei sentado à destruição de Portugal. E continuarei a escrever e a fazer, em Liberdade – aqui ou ali --, aquilo que a consciência me dita.

Continuo a sonhar que é possível, mesmo que tudo indique o contrário. Assim o engenho e as forças mo permitam – e a loucura não me atente --, continuarei a contribuir para o extermínio do projecto de aniquilação de Portugal.

Este é o meu testemunho e a minha certeza. 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:42


O palhaço de Belém

por Rogério Costa Pereira, em 24.05.13

food art.jpg

Qual a razão para o palhaço ter ficado aborrecido por o Miguel Sousa Tavares o ter chamado palhaço? Pediu à procuradoria para investigar. Nada a investigar. Foi palhaço, mesmo, que ele te chamou. Já a subsunção dos factos ao direito são outros quinhentos. Um palhaço tipo bobo da corte, mas que não faz rir e sim chorar. Um palhaço que é co-responsável pelo estado miserável do país. Um palhaço que invoca santos em assuntos de Estado. Um palhaço que vive num mundo de "cidadões". Um palhaço que me envergonha. És um palhaço, Cavaco, e é fácil prová-lo. O interesse em dizê-lo alto e bom som é mais que legítimo. De resto, um palhaço como tu não pode ser lesado na honra. Não a tem.
Só mais uma coisa, PALHAÇO, escolheste o Miguel pela notoriedade? Queres fazer dele um exemplo? É que tens centenas de mulheres e homens a chamarem-te isso e muito pior, todos os dias, no Facebook. Há alguma razão para não mandares a procuradoria analisar o nosso caso? Ou são coisas de palhaços, que só um palhaço entende?

 

Adenda: mais palhaçadas. MST parece não ter uma coisa que o pai tinha. Ele que leia as actas da AR de quando o pai era deputado e talvez aprenda o que é ser excessivo. Saudavelmente excessivo.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 14:02


Toda a verdade sobre a sétima avaliação da troika

por Rogério Costa Pereira, em 14.05.13

Cavaco diz que conclusão da sétima avaliação da troika foi "inspiração da nossa Senhora de Fátima"


Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 21:20


"A vida política do professor Cavaco Silva acabou!"

por Rogério Costa Pereira, em 04.01.13

ET.jpg

Esta frase foi proferida (em júbilo envergonhado) há quase 17 anos, no dia 15 de Janeiro de 1996, dia em que o Cavaco perdeu, para Jorge Sampaio, a sua primeira tentativa de não ser Presidente da República. 
Nessa altura, o jotinha Coelho, com 32 anos, andava a ganhar buço pela Casa do Povo. Já o fazia, aliás, deste 1991, com os seus experientes e vividos e aptos 27 anos -- com 27 anos, pode ser-se vivido e experiente e apto, mas a personagem nem aos 48, e já com ano e meio de poleiro dos altos, atingiu tal estatuto. 
Em 2004, cerca de 8 anos depois da profética e certeira frase em título ter sido atirada às câmaras da TVI, o autor da dita convidou o Coelho para ingressar no Grupo Fomentinvest, onde este continuará a não ganhar aptidão nem experiência até 2006.
Entretanto, o enterrado em 1996 anda agora, e já há quase 7 anos, mascarado de presidente da República, a terminar o serviço que havia começado em 1985 e interrompido em 1996. Falo do de co-coveiro de Portugal.
E o tal profeta calha a ser o mentor do experiente e vivido e apto jotinha que ora nos desGoverna.
O que é curioso é que, como se vê, já desde, pelo menos, 1996 que o profeta Ângelo Correia y su muchacho (mas este só soube a razão mais tarde, quando lha ex-pli-ca-ram) não gramam o Cavaco. O que é obviamente e notoriamente recíproco.
O que é ainda mais curioso é que os dois (ou três), cada um em seu poiso -- o Cavaco em Belém e a dupla Coelho sob a pata da Merkel e Ângelo no ombro deste e de bico encostado ao ouvido do seu tem-fome-investe --, e não se gramando, conseguem atingir uma sintonia não premeditada mas quase perfeita, naquele singular e democrático estilo de golpe e contra-golpe, no empurrão abismo abaixo que este país parece exigir aos sentidos e bons e suficientes haveres de um e de outros.
"A vida política do professor Cavaco Silva acabou!"... Não deixo de me questionar, se Jorge Sampaio não tem logrado pontapear o Cavaco em 1996 teríamos hoje um Presidente da República? Não que a resposta me interesse ou que eu ouse desejar agora que 1996 tivesse sido ao contrário. Mas gostava tanto de ter, hoje, um Presidente da República. Essa é que é essa! Dava um jeitaço... É que estou mesmo desesperado por um, sabem?, ao ponto de terminar com este parágrafo estilo regresso-ao-futuro. A Constituição não prevê a existência de um? Ok, esqueçam esta última pergunta...

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 02:13


O cavaco e a Distância

por Rogério Costa Pereira, em 20.07.12

Diz o homem que "a esta distância, não posso deixar de manifestar a solidariedade com as populações". Por certo que as populações nem se lembram que o fulano existe. Ou, sequer, que temos uma República com presidente. Também não faço ideia por anda o indivíduo.
Uma coisa eu sei, um Presidente da República devia estar, numa hora destas, junto do povo, não a mandar beijinhos pela televisão.
Mas isso seria coisa de um Presidente da República, daí este post ser completamente nonsense desde a primeira linha. Pior, falar do coiso e da República no mesmo texto é uma ignomínia. 
My bad.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 07:01


A Cadeira do Cavaco

por Rogério Costa Pereira, em 09.07.12

Leio na TSF que: "Ao final da manhã, chegou a Belém uma nova cadeira para o Presidente. Cavaco Silva acabou por não se sentar na cadeira, desenhada em Paredes. Esse é um momento que prefere não partilhar, mas Maria Cavaco Silva não resistiu ao convite e mostrou-se confortável neste novo assento. O momento mereceu muitas fotos, muitos sorrisos."

Indicia a notícia que, apesar de ser precisamente essa a minha área de especialização -- Cadeiras pró Cavaco -- e apesar de ser mesmo devoto de uma certa cadeira, não fui sequer convidado para apresentar a minha proposta. Ainda assim, e esperando que vá a tempo de ser considerado o meu esforço e dedicação -- um referendo seria aconselhável --, eis o resultado de largos segundos de reflexão e busca no Google.

 

 

E é assim, quem merece, merece. E o Cavaco merece! Estou certo que esta cadeira, com o respectivo dono sentado nela, será ainda mais merecedora de "muitas fotos, muitos sorrisos".

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 16:40

Cavaco Silva está a pagar caro as suas intervenções públicas. Nunca um presidente teve uma popularidade tão baixa. Quanto aos partidos a situação mantem-se estacionária.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 23:20

cavaco.jpg

Só quem não tem memória, poderá discordar das palavras, em título, de Silva Pereira, quando se refere ao fulano da imagem. 
De resto, e tamanho é o nojo que sinto neste momento, que nada mais direi, sob pena de descer ao nível deste comedor-de-boca-aberta, que hoje me obriga a decretar, com validade pessoal e transmissível, o fim da segunda República (sim, da segunda!).

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 21:59


A deslealdade de Cavaco Silva

por Luis Moreira, em 09.03.12
Cavaco Silva faz de conta , compõe a realidade ao seu jeito como se as pessoas não tivessem memória. Espero que seja visitante da PEGADA!

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 12:00


Falta de ...

por Ariel, em 17.02.12

 

Alegar falta de condições de segurança, para esconder o medo do enxovalho por parte dos alunos,  confirma a triste  natureza deste homem mesquinho e árido, incapaz de um gesto largo e solidário que acolha quem dele mais precisa. É uma tragédia faltar-nos um Presidente quando tanto precisamos de um.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

publicado às 00:15


tença tensa

por Maria do Sol, em 10.02.12

Diz que a culpa é das pensões (tão catitas que as preferiu ao vencimento como PR). Pois bem, eu acho que a culpa é do próprio.

[You may fool all the people some of the time, you can even fool some of the people all of the time, but you cannot fool all of the people all the time (Abraham Lincoln), não é?]

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 16:43

Um partido que sempre esteve dividido como aliás o seu nome. Entre a Social-Democracia agora representada por Cavaco Silva e o Partido Liberal liderado por Passos Coelho. No centro das diferenças está o papel do Estado.

Este governo quer levar longe, muito longe, demasiado longe a privatização de serviços do Estado. A Saúde, a Segurança Social ! Cavaco está contra, quer que o estado, embora saindo da economia, mantenha nas suas mãos os instrumentos bastantes para poder regular e intervir em casos muito especiais.

Num país europeu, pobre e injusto, levar à destruição do SNS e da Segurança Social, não terá o apoio da maioria da população que se revê naqueles dois sistemas como as maiores garantias que o Estado oferece. O mesmo se diga para a Banca onde deverá manter a posição actual da CGD.

"As notícias vindas a lume sobre divergências entre o Presidente da República e o Governo, confirmadas por muitos, desmentidas oficialmente (como não podia deixar de ser), comentadas com pesar ou com ironia, espelham uma divisão profunda na sociedade portuguesa e que vai muito para além do jogo de freios e contrapesos entre dois órgãos de soberania."

Europeu, social-democrata e Laico, é o estado que a população desde há mais de trinta anos vêm apoiando em sucessivas eleições!

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 13:00


A minha reforma não dá para as despesas

por Luis Moreira, em 27.01.12

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 09:00


Boss AC (Aníbal Cavaco) - "Sexta Feira (Emprego bom já)"

por joao moreira de sá, em 25.01.12

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 10:30

De certeza que no facebook não iria escrever que as "as reformas não chegam para as despesas".

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 18:18


O oráculo de Belém

por Francisco Clamote, em 05.01.12
Na mensagem de Ano Novo, Cavaco Silva pronunciou-se a favor duma “agenda orientada para o crescimento da economia e para o emprego”. Só que, para não variar, esqueceu-se, uma vez mais, de enunciar os itens da agenda para a concretização do crescimento, tarefa  que, no caso, até não era particularmente difícil.
De facto, Cavaco Silva nem precisava de inventar a roda, pois já foi inventada. Para começo de conversa, bastava que recomendasse ao governo do primeiro-ministro Coelho que não mandasse borda fora algumas das apostas dos Governos do PS, designadamente, nas energias renováveis, nas novas tecnologias, na investigação e na ciência, 
O recado justificava-se tanto mais quanto é certo que este governo está apostado em destruir todas as bandeiras dos governos liderados por José Sócrates, por mais desastrosas que sejam para o país as opções da Comissão Liquidatária passista. Hoje mesmo tivemos uma vez mais a prova: enquanto durante os Governos de José Sócrates se investiu, como nunca, na investigação e na ciência, com excelentes resultados reconhecidos internacionalmente, soube-se hoje que a Fundação para a Ciência e Tecnologia (FCT) este ano, vai dispor, apenas de 394,5 milhões de euros, montante que é 40%  (!) inferior ao do atribuído à FCT no ano de 2009. 
Cavaco Silva sabe, e se não sabe tinha obrigação de saber até porque se ufana de ser um bom economista, que o investimento naqueles sectores tem retorno assegurado, dada a sua relevância em termos de aumento da competitividade da economia (a curto, médio e longo prazo) e tendo em conta o forte contributo dado para reequilíbrio das contas com exterior, quer pela via da diminuição das importações de combustíveis fósseis, quer através do aumento do valor das exportações associado a produtos de base tecnológica de alto valor acrescentado.
Cavaco Silva, todavia, prefere remeter-se a um discurso redondo e vazio, do tipo oráculo que, como tal, se presta a agradar a gregos e a troianos, discurso que é, por isso mesmo, o que, pessoalmente, lhe convém. Todavia, o que é bom para ele, é mau para o país. E ele quer lá saber?...

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 00:02


Diz-me quem consultas, dir-te-ei quem te domestica

por Rogério Costa Pereira, em 04.01.12

cavaco silva e Fernando Lima

(pergunta retórica) Não foi este Fernando Lima quem lançou para o Público que o Governo PS andava a escutar o PR?; "facto" que deu origem à mais ridícula declaração presidencial de todos os tempos, mesmo considerando que estamos a falar de Cavaco Silva? Agora sabemos que a criatura estava a seguir a cartilha do criador. Está tudo explicado! Aliás, sempre esteve!

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:06


página facebook da pegadatwitter da pegadaemail da pegada



Comentários recentes

  • Anónimo

    Olá pessoal, Você precisa de serviços de hackers? ...

  • Anónimo

    Se você precisar de um serviço de hackeamento prof...

  • Anónimo

    Muitas pessoas disseram que os hackers invadiram d...

  • Anónimo

    SE VOCÊ PRECISA DE UM SERVIÇO DE HACKING GENUÍNO E...

  • Anónimo

    SE VOCÊ PRECISA DE UM SERVIÇO DE HACKING GENUÍNO E...

  • Anónimo

    SE VOCÊ PRECISA DE UM SERVIÇO DE HACKING GENUÍNO E...

  • Anónimo

    SE VOCÊ PRECISA DE UM SERVIÇO DE HACKING GENUÍNO E...

  • Anónimo

    QUERO HACKEAR UM BLOG!!!!!!!!!!!!!!!!!

  • Anónimo

    oi me explica mais siobre isso

  • Anónimo

    Necesita un préstamo urgente para revivir sus acti...


Arquivo

  1. 2014
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2013
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2012
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2011
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2010
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2009
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2008
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D

Pesquisar

Pesquisar no Blog  



subscrever feeds