Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]


No dia 15 de Setembro de 1933 nasceu, em Burgos, de pai alemão e mãe espanhola, o compositor, maestro e director de orquestra espanhol Rafael Frühbeck de Burgos.

Estudou violino, piano e composição nos conservatórios de Bilbao e Madrid e formou-se “cum laude” na Universidade de Música de Munique. Estreou-se nos Estados Unidos com a Orquestra de Filadélfia. Entre 1962 e 1978 foi maestro principal da Orquestra Nacional de Espanha e de 1980 a 1983 foi maestro titular da Orquestra Sinfónica Yomiuri Nippon de Tóquio, da qual é maestro honorário.
Rafael Frühbeck de Burgos foi director musical da Orquestra Sinfónica da Radiodifusão de Berlim e da Ópera Alemã de Berlim, maestro principal da Orquestra Sinfónica de Bilbao e da Sinfónica de Viena e maestro convidado principal de numerosas orquestras na Europa, Estados Unidos e Japão. Desde 2006 é titular da Orquestra Filarmónica de Dresden, na Alemanha, e da Orquestra Sinfónica Nacional de Turin, na Itália.


Bolero, de Ravel
Orquestra Sinfónica da Radiodifusão da Dinamarca
Maestro: Rafael Frühbeck de Burgos

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 00:01


Maurice Ravel - Compositor e pianista francês

por António Filipe, em 07.03.12

No dia 7 de Março de 1875 nasceu em Ciboure, parte do País Basco francês, o compositor e pianista Maurice Ravel. A vida não lhe correu bem desde jovem. Começou a querer estudar música aos 7 anos, mas só aos 14 entrou no Conservatório de Paris. Depois abandonou o conservatório e estudou sozinho. Só bastante mais tarde voltou - e em boa hora, já que teve o privilégio de estudar composição com Gabriel Fauré, que o achou “muito bom aluno, laborioso e pontual, com uma sinceridade que desarma”. Mais tarde, aspirou ao consagrado Prémio de Roma, mas o júri recusou-lho.
Foi influenciado principalmente por Debussy, mas também por compositores anteriores, como Mozart, Liszt e Strauss, mas encontrou o seu próprio estilo, que ficou, porém, marcado sobretudo pela corrente impressionista que, na sua época, fazia sucesso na Europa.
Em 1932, teve um acidente de táxi. Perdeu parte da sua capacidade de compor, por causa de lesões cerebrais causadas pelo acidente. A sua inteligência sempre se manteve intacta mas o corpo já não respondia adequadamente, porque sofria de graves problemas motores. Maurice Ravel morreu, em Paris, no dia 28 de Dezembro de 1937.
Exemplo máximo do seu estilo pessoal foi a mais imortal das suas composições: o Bolero, ainda hoje a obra francesa mais tocada em todo o mundo e que foi escrito por encomenda da bailarina Ida Rubinstein e estreou na Ópera de Paris em 1928. Ravel descreveu-o como "uma obra para orquestra sem música", querendo significar que só com o acompanhamento de bailarinos a peça fazia sentido.


Bolero, de Ravel
Orquestra Filarmónica de Viena
Maestro: Gustavo Dudamel

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 00:01


página facebook da pegadatwitter da pegadaemail da pegada



Comentários recentes

  • Anónimo

    Je suis une femme d'affaires sérieuse et j'accorde...

  • Anónimo

    Olá desculpe, talvez você não me conheça, meu nome...

  • Anónimo

    VOCÊ PODE OBTER ALGO NOVO !!!Ganhe 5.500 euros tod...

  • Finn Walsh

    We are Ireland based major/Direct providers of Fre...

  • Anónimo

    We are Ireland based major/Direct providers of Fre...

  • Anónimo

    Você vai conseguir um empréstimo?Você precisa de u...

  • Anónimo

    Assistência de empréstimo à sua disposiçãoVocê est...

  • Anónimo

    De um investidor privadoVocê precisa de um emprést...

  • Ashton Dillon

    Požádejte o rychlou půjčku !!!!!!!!!Hledáte finanč...

  • Anónimo

    Solicitar um empréstimo rápido !!!!!!!!!Você procu...


Arquivo

  1. 2014
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2013
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2012
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2011
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2010
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2009
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2008
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D

Pesquisar

Pesquisar no Blog  



subscrever feeds