Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Sogra só há uma

por Rogério Costa Pereira, em 30.03.09

Até agora, quando um(a) tipo(a) se casava, já sabia que no “e para o mal”, como em “para o bem e para o mal, na saúde e na doença, estava implícita a cruel realidade de que nem o divórcio acabava com as sogras. Efectivamente, a afinidade não cessava pela dissolução do casamento, o que queria significar que, de divórcio em divórcio, as podíamos ir coleccionando. E às respectivas línguas.


Disse “não cessava” e, mesmo sabendo que é impossível alguém estar a ler um texto que ainda não terminei - muito menos publiquei, senti-vos tremer. A teoria do caos virou lei e o meu monitor abanou.


Pois é verdade, argutos e ora abandonados leitores, com a entrada em vigor da Lei n.º 61/2008, de 31 de Outubro aka "a que altera o regime jurídico do divórcio", acabou-se a papa-doce. Agora, recambiada a(o) noiva(o) para casa da mãe vai-se a sogra embora também (notem a rima à Quim Barreiros). Rectius, ressalvados os casos de viuvez, sogra passa a só haver uma: a actual e mais nenhuma. Digo “ressalvados os casos de viuvez” porque o legislador, ó negro humor, achou por bem que, em caso de dissolução do casamento por morte, o(a) viúvo(a) mantenha o direito à sogra, que é coisa que faz sempre jeito.


Feita a exposição, eis a arma do crime. Duas singelas e aparentemente inocentes palavras: “por morte”! A redacção do artigo 1585º do Código Civil, “A afinidade determina-se pelos mesmos graus e linhas que definem o parentesco e não cessa pela dissolução do casamento”, ostenta agora o crudelíssimo apendículo “por morte”, enfiado logo depois do “casamento”.


Lamento, meus caros, restam-vos os cromos e as caricas.


 


PS - Adoro a minha sogra (já escrevi, querida!, está bem assim?).

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 18:54


12 comentários

De lili a 30.03.2009 às 19:02

Olha, e eu que não sabia que até aqui tinha três sogras, aliás duas, uma já morreu.

De JMG a 30.03.2009 às 19:04

Bem, que alívio!: Vou poder referir-me a demasiada pessoa como ex-concunhada. Porque, tendo-o feito em determinada altura, fui imediatamente corrigido como o "ex" estando a mais. A Justiça tarda mas ...

De Rogério da Costa Pereira a 30.03.2009 às 19:19

Lamento tê-la tirado da ignorância.

De Rogério da Costa Pereira a 30.03.2009 às 19:20

... está sempre connosco, nesta labuta diária, tentando pôr fim às injustiças mais atrozes.

De LA-C a 30.03.2009 às 20:06

Este novo articulado tem aplicação retroactiva?

De Helena Velho a 30.03.2009 às 20:33

Pois, e como é que eu convenço as outras duas sogras que me adooooram que eu já não sou nora delas?? (ai! a menina é a minha nora de verdade,venha quem vier-tá bem abelha! penso eu)
tá-se mesmo a ver Rogério: vou precisar dos seus serviços ... aliás, prestimosos serviços!
eu tb adoro a minha sogra, a actual claro!
( anda cá A. eu escrevi coisas bonitas sobre a tua mãezinha, anda ver, anda!)

De Tiago Branco a 30.03.2009 às 22:28

Ora bem, gosto destas mudanças profundas e que demonstram como estamos evoluídos - tirando alguma fome, esperas em hospitais e essas coisas chatas - mas enfim, fica aqui o aviso: agora podem casar com a vossa sogra, quantas vezes mais interessante que a filha com quem se casaram e de que ja estão fartos. É só divorciarem-se. Podem ficar a serem padrastos da vossa ex-mulher, o que não deixa de ter graça. Isto sim, é modernidade, isto é Portugal a mostrar o caminho ao mundo. Ah, e se a vossa actual mulher morrer, herdam ao lado da vossa ex.

De pedro oliveira a 30.03.2009 às 23:59

... há sempre um Rogério da Costa Pereira que nos mostra a maravilha que é este Governo.
Estamos tão bem governados, ai tão bem governados que estamos.
Só foram maus numa coisa, não terem aprovado a proposta de casamento entre pessoas do mesmo sexo apresentada pelo Bloco de Esquerda, um Governo tão bonzinho será homofóbico?

De rita maria a 31.03.2009 às 09:18

Perdoem a minha ignorância, mas quais os direitos e deveres relativos a esta afinidade? Estava convencidíssima que a lei tinha mais que fazer que regular o que quer que fosse sobre sogras e quejandos...

De Tiago Branco a 31.03.2009 às 18:41

ora vamos ver se não é complicado demais: sogras são, geralmente avós dos filhos de alguém. Percebe porque é que a lei se preocupa? Preocupa-se tanto que agora até se pode casar com as ex-sogras, caso único do direito europeu, mas são países atrasados, não ligue. Pois, mas é por isso. Acha que consegue? Sogras, avós, mães - sabe o que é? - da mulher ou do marido -sabe o que é? Há dicionário on line. Vai ver que terá surpresas.

Comentar post


Pág. 1/2



página facebook da pegadatwitter da pegadaemail da pegada



Comentários recentes

  • Aboubacar Aboubacar Sacko

    Se você precisar dos serviços de um hacker ético c...

  • Anónimo

    OLÁ!!! Você é um homem ou uma mulher? Você precisa...

  • Anónimo

    Se você precisar de um serviço de hackeamento prof...

  • Anónimo

    Ile é conectado como o controle de acesso à Intern...

  • Anónimo

    Eles são conhecidos como os onipotentes gurus da I...

  • Anónimo

    Se você precisa de um serviço de hackers genuíno e...

  • Anónimo

    Olá pessoal, você precisa de serviços de hackers?E...

  • Төлөгөн Аимэшхан

    Você precisa de algum serviço de hackers? Você est...

  • Anónimo

    Muitos QUEREM SER HACKERS ON-LINE Cuidado com os a...

  • Anónimo

    Eles são um grupo profissional de hackers além da ...


Arquivo

  1. 2014
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2013
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2012
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2011
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2010
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2009
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2008
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D

Pesquisar

Pesquisar no Blog