Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



A chamada política do don´t ask, don´t  tell, iniciada nos EUA em 1993, significa isto: os militares homossexuais e bissexuais  que revelem a sua orientação sexual devem ser expulsos das Forças Armadas.  Esta "política" baseia-se, concretamente, numa lei federal, que tem por fundamento esta ideia: "it would create an unacceptable risk to the high standards of morale, good order and discipline, and unit cohesion that are the essence of military capability".


A aplicação prática da lei tem sido altamente discricionária, pois se se entende que não se deve "investigar" a orientação sexual dos militares, qualquer "conduta suspeita" de homossexualidade ou de bissexualidade impõe, claro, "medidas".


Muita gente, desde 1993, foi expulsa do Exército. Centenas por ano, na verdade.


Por outro lado, a política do don´t ask, don´t tell dá um sinal positivo à homofobia, como é evidente, desde logo às Forças Armadas. São conhecidos casos de homicídio no seu interior, de homossexuais, "convidados" a revelarem a sua orientação sexual.


Esta política discriminatória, com o rosto de Clinton, foi combatida, durante a campanha presidencial, por Obama. Agora, este parece decidido a cumprir a sua promessa.


Ontem, ouvi reacções como a de MacCain, que disse isto: "At this moment of immense hardship for our armed services, we should not be seeking to overturn the 'don't ask, don't tell' policy."


Sem comentários.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 11:21


20 comentários

De C.C. a 04.02.2010 às 15:34

Boa tarde,

Ainda bem que Obama decidiu cumprir a sua promessa, milhares de pessoas sofreram com esta política ao longo dos últimos dezassete anos.
No entanto, com o abandono desta política os militares que foram expulsos das Forças Armadas nos EUA poderam voltar a ocupar os seus cargos?

Obrigada

Comentar post



página facebook da pegadatwitter da pegadaemail da pegada



Comentários recentes

  • Anónimo

    Se você precisar de um serviço de hackeamento prof...

  • Aboubacar Aboubacar Sacko

    Se você precisar dos serviços de um hacker ético c...

  • Anónimo

    OLÁ!!! Você é um homem ou uma mulher? Você precisa...

  • Anónimo

    Se você precisar de um serviço de hackeamento prof...

  • Anónimo

    Ile é conectado como o controle de acesso à Intern...

  • Anónimo

    Eles são conhecidos como os onipotentes gurus da I...

  • Anónimo

    Se você precisa de um serviço de hackers genuíno e...

  • Anónimo

    Olá pessoal, você precisa de serviços de hackers?E...

  • Төлөгөн Аимэшхан

    Você precisa de algum serviço de hackers? Você est...

  • Anónimo

    Muitos QUEREM SER HACKERS ON-LINE Cuidado com os a...


Arquivo

  1. 2014
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2013
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2012
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2011
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2010
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2009
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2008
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D

Pesquisar

Pesquisar no Blog