Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



A pegada não morreu; apenas deslocámos a maior parte das nossas pegadas para o facebook. Enorme pecado, bem sabemos; mas por estes instantes, em que o tempo não abunda, é mais fácil interagir e publicar ali. Esta nossa casa não desaparece; será sempre a referência principal e o lugar das pegadas mais profundas. No entretanto, e quando não nos virem por aqui, é porque estamos aqui:pegadabook. Cliquem no link (não é necessário ter facebook para ler, apenas para comentar) e/ou façam like acima. A todos os leitores e ao sapo, que nunca nos falhou, pedimos desculpa. É coisa de momentos; a pegada será sempre aqui. Aqui é a regra, este anúncio não revela mais do que uma excepção. Já agora, e também no facebook, mas numa onda diferente -- e em que todos os leitores podem ser autores --, visitem o ouvir & falar.

 

 



História de Portugal

por Rogério Costa Pereira, em 26.02.11
tubos.jpg

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 17:30


Diz que é a brincar

por Rogério Costa Pereira, em 23.02.11
L%3Fbia.jpg

L%3Fbia 2.jpg

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:23


O monstro que me atenta

por Rogério Costa Pereira, em 19.02.11

Imagem de João Cóias

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 03:22


E eis que encontraste o teu lugar

por Rogério Costa Pereira, em 13.02.11
Paulo Sergio Sporting.jpg

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 04:19


Digam* lá que Ella não nos cantou a noite

por Rogério Costa Pereira, em 13.02.11

* Sandra & João & João & António Pedro & Nina & Francisco

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 02:43


Por ti, só por ti...

por Rogério Costa Pereira, em 12.02.11

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 00:26


dancing not crying

por Rogério Costa Pereira, em 11.02.11

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 23:19


Ainda é cedo para deitar foguetes, mas no entretanto...

por Rogério Costa Pereira, em 11.02.11

"Hosni Mubarak foi falar às crianças de uma escola primária e, depois do seu discurso, ofereceu-se para um período de perguntas.

Um rapazinho chamado Ramy levantou a mão e o Presidente egípcio interpelou-o: O que queres saber?

Ramy disse: Tenho quatro perguntas. Primeira: por que é que o senhor é Presidente há 29 anos? Segunda: por que é que nunca nomeou um vice-presidente? Terceira: por que é que os seus dois filhos, Gamal e Alaa, controlam a economia e a política do país? Quarta: por que é que o Egipto é um Estado miseravelmente pobre e o senhor não faz nada?

Nesse preciso momento, a campainha tocou e Mubarak informou as crianças que voltaria depois do intervalo.

No regresso, retomou a conversa: Ok, em que ponto estávamos? Ah, já sei. Na sessão de perguntas. Alguém quer perguntar alguma coisa? Um outro rapazinho levantou a mão. Mubarak apontou para ele e pediu-lhe que se identificasse.

Eu sou Tamer, respondeu o menino. E qual é a tua pergunta, Tamer? Eu tenho seis perguntas. Primeira: por que é que o senhor é Presidente há 29 anos? Segunda: por que é que nunca nomeou um vice-presidente? Terceira: por que é que os seus dois filhos, Gamal e Alaa, controlam a economia e política do país? Quarta: por que é que o Egipto é um Estado miseravelmente pobre e o senhor não faz nada? Quinta: por que é que a campainha tocou para intervalo 20 minutos antes do que é habitual? Sexta: o que é que o senhor fez ao Ramy?"

(anedota (?) egípcia, in Público)

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 20:36


Sei que tive um sonho

por Rogério Costa Pereira, em 06.02.11
Tive um sonho que daria uma excelente história. Assim pensei que pensava. Como normalmente me esqueço dos sonhos - nao de que sonhei, mas do conteúdo dos sonhos -, fiz por apontar tudo algures. O problema desta vez não teve a ver com a natural incompreensão do que escrevi. Ando a ficar mais requintado. Desta vez tirei os apontamentos no próprio sonho. E lá ficaram. O que me lixa é que desta parte lembro-me perfeitamente.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 13:21


Não é manso que se diz?

por Rogério Costa Pereira, em 06.02.11
"A China só quer um Ano do Coelho calmo" (Público)

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 12:47


Nina

por Rogério Costa Pereira, em 06.02.11

Tenho escrito nada sobre ti, diz o vento que foi. Desatenta vai a aragem, que tudo o que escrevo é por ti, está em ti, vem de ti. Sem ti, palavra nenhuma sairia de mim. Estás em todas as cores que formam as letras que alinho; danças em cada vírgula, apontas-me cada ponto final. Conjugas-me em cada verbo. És o meu Verbo!, a minha palavra. Não será longo este paradoxo de letras que aqui alinho enquanto a natureza dorme. O que me és... A incapacidade de descrever, de escrever; de te descrever e de sobre ti escrever. És o ar que respiro, o passo que dou, a decisão que tomo. O filho que temos. E o oposto também. O teu branco dá-me a imaginar o negro do caminho contrário. A impossibilidade de respirar, de andar, de ir por aqui ou por ali. O não existir do Francisco. O nosso filho. Sobre isso não posso - não sei! - escrever. Ninguém pode. Há quem finja escrever sobre o amor. Eu, como sabes, não sou um fingidor. És as minhas asas. Há dez anos no relógio dos homens. Desde sempre, no perpétuo. No eterno do que é. Do que me és. O nosso sempre.

(também aqui, pois claro)

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

publicado às 02:00


Da perfeição

por Rogério Costa Pereira, em 05.02.11

Black_Swan_poster.jpg
Grande grande Natalie. Conseguiste o impossível: apagar o Cassel do ecrã. O mesmo que, ainda pitinha, quase fizeste com o Jean Reno.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 18:57


Dedicado a um sem vida

por Rogério Costa Pereira, em 04.02.11

«O Dantas saberá gramática, saberá sintaxe, saberá medicina, saberá fazer ceias pra cardeais, saberá tudo menos escrever que é a única coisa que ele faz!» Daqui.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 23:12

PS - Há alguma ironia em teres sido tu, nesta despedida, a evitar a derrota (que seria justíssima) contra o último classificado. Ironia e romance. Deixas-nos vazios, como bem sabes e como bem ilustram as lágrimas que por ti se derramaram, mas não era justo que te sacrificasses mais, nem pelo Sporting nem pela selecção (a quem fizeste a maldade de colocar no Mundial). Até sempre.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:31


Do mau presságio

por Rogério Costa Pereira, em 03.02.11
Ler "PORTUGAL E O FIM" em vez de "PORTUGAL E O FMI".

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 21:16


A propósito de Braz da Silva

por Rogério Costa Pereira, em 03.02.11
Angola, China, Brasil, Índia. Venha o dinheiro de onde vier, enfiem mas é gajos que saibam jogar à bola dentro daquelas camisolas. E uma boleia para o Costinha e para o Paulo Sérgio, já agora.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 20:55


página facebook da pegadatwitter da pegadaemail da pegada



Comentários recentes


Arquivo

  1. 2014
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2013
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2012
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2011
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2010
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2009
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2008
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D

Pesquisar

Pesquisar no Blog  



subscrever feeds