Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Adivinha quem vai responder

por Rogério Costa Pereira, em 30.03.10

Deparo com alguma blogosfera arrasada por causa duma patetice do Daniel Oliveira. Não sendo eu católico nem atormentado, julgo estar autorizado pelo Oliveira para comentar o caso. Desde logo, este tipo de rasgo não é original no indivíduo em questão e nunca pretendeu, espero eu, ser uma piada — o contrário seria deveras preocupante, não pelo tema em causa (não acho que haja limites para o humor, para além da capacidade e competência para o fazer — o que logo exclui o Oliveira), mas porque aquilo tem tanta graça como ver um fulano a estatelar-se no meio da rua. O objectivo foi apenas chocar. E aqui a coisa já ganha alguns contornos humorísticos. O que tem realmente piada (visto daqui) são as reacções à idiotice atirada pelo Oliveira, as quais servem apenas o efeito que este pretendia: obter precisamente aquelas reacções daquelas pessoas (daquelas e não doutras). É tão óbvio — mas tão óbvio — que aposto que alguém se divertiu e ganhou umas massas numa espécie de "adivinha quem e quanto tempo demora".

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 19:16


3 comentários

De Daniel Oliveira a 31.03.2010 às 01:27

E nem consigo perdi a aposta. No seu caso, não por razões religiosas. Apenas por razões pavlovianas. Porque, convenhamos, estou a falar com a pessoa que mais vezes reagiu às minhas "patetices" – cheguei mesmo a preocupar-me com tão intensa e platónica "afixação". Ver que não se quebrou esta ternura tem realmente piada (visto daqui).

De joão viegas a 31.03.2010 às 08:38

Ola,

Não me quero meter na discussão - nem percebo bem alias acerca de quê - mas de um simples ponto de vista harmonico-retorico, caro Rogério da Costa Pereira, você estava mesmo a implorar por esta resposta...

Era aposta também ? Ou apenas uma forma caricata de ilustrar a maxima segundo a qual um advogado nunca deve colocar uma pergunta, a menos que tenha a certeza absoluta da resposta...

Peace, progress, prosperity para ambos.

De Rogério da Costa Pereira a 31.03.2010 às 10:30

Já vi casos em que essa pergunta foi colocada e o julgamento foi ao ar. É adorável ver uma corda esticadinha a romper.

Comentar post



página facebook da pegadatwitter da pegadaemail da pegada



Comentários recentes

  • edwin roberto

    I am Edwin Roberto and a construction engineer by ...

  • edwin roberto

    I am Edwin Roberto and a construction engineer by...

  • edwin roberto

    I am Edwin Roberto and a construction engineer by...

  • edwin roberto

    I am Edwin Roberto and a construction engineer by...

  • edwin roberto

    I am Edwin Roberto and a construction engineer by...

  • edwin roberto

    I am Edwin Roberto and a construction engineer by...

  • edwin roberto

    I am Edwin Roberto and a construction engineer by...

  • edwin roberto

    I am Edwin Roberto and a construction engineer by...

  • edwin roberto

    I am Edwin Roberto and a construction engineer by...

  • edwin roberto

    I am Edwin Roberto and a construction engineer by...


Arquivo

  1. 2014
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2013
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2012
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2011
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2010
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2009
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2008
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D

Pesquisar

Pesquisar no Blog