Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Parceiro? Antes cúmplice

por Francisco Clamote, em 17.01.12

A UGT acabou por assinar o acordo que representa o "maior retrocesso" nos direitos dos trabalhadores, como diz Carvalho da Silva. E bem. Duvido é que se lhe possa chamar acordo, porque nem a UGT é um parceiro, a menos que parceiro seja sinónimo de cúmplice, nem o documento é algo diferente dum ultimato vindo da parte do governo e do patronato e que a UGT se limitou a subscrever.

É verdade que, da proposta inicial, o governo deixou a cair a meia hora extra de trabalho diário. Só que tal sucedeu não devido a exigências da UGT, mas sim porque o patronato sempre declarou preferir a criação de uma bolsa de horas anual. Meia hora extra diária, ou mais, já o patronato a tem à borla, sempre que lhe convém, pois no actual estado de submissão do trabalhadores, estes dificilmente se atrevem a recusar as exigências do patronato. Este queria a bolsa e teve-a.

Deve dizer-se que, em boa verdade, a assinatura do documento por parte UGT não altera a natureza do documento que mais não é que uma imposição do governo e dos patrões. Infelizmente, para a UGT, a sua assinatura só vem provar que ela não passa dum parceiro-cúmplice para todas as ocasiões. Mesmo quando estão em causa as mais gravosas medidas impostas aos trabalhadores, medidas que vão, reconhece-o o Àlvaro para lá do que estava acordado no memorando da "troika".

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 16:44


2 comentários

De António Leal Salvado a 17.01.2012 às 22:47

Talvez a UGT, ao decidir jogar como jogou a sua cartada mais importante desde que existe, tenha prestado um grande serviço aos portugueses: demonstrar, claro, clarinho e preto no branco, que não é uma verdadeira união de sindicatos, mas uma força aliada dos piores inimigos dos trabalhadores que lutam, os trabalhadores que se rendem (que quase sempre significa que se vendem).
A cidadãos interessados e livres-pensadores com sensibilidade social e ideossincrasia de esquerda, este oportunismo da associação de João Proença (aproveitamento da firmeza da CGTP para se apresentar como uma confederação de 'prestígio' e portanto útil a quem se queira associar - mas na verdade fazendo o jogo do adversário e da pior forma) para esses cidadãos, dizia, o dia de hoje ficará sendo a data em que se tornou claro que em Portugal só há uma linha sindical: a da CGTP.
Concorde-se ou não - e eu tenho sido muito discordante - da actuação da 'Intersindical', da forma como por vezes veste a roupagem de um partido político, do modo como interage com o PCP, goste-se ou não, a verdade é a verdade. E é o que está à vista, depois deste acordo com que hoje o capital conservador conseguiu sair da reunião com soluções mais nefastas para o operariado do que aquelas que propunha.

De Luis Moreira a 17.01.2012 às 22:50

Eu costumo dizer que concordo com a UGT mas respeito mais a CGTP... :-))

Comentar post



página facebook da pegadatwitter da pegadaemail da pegada



Comentários recentes

  • Aboubacar Aboubacar Sacko

    Se você precisar dos serviços de um hacker ético c...

  • Anónimo

    OLÁ!!! Você é um homem ou uma mulher? Você precisa...

  • Anónimo

    Se você precisar de um serviço de hackeamento prof...

  • Anónimo

    Ile é conectado como o controle de acesso à Intern...

  • Anónimo

    Eles são conhecidos como os onipotentes gurus da I...

  • Anónimo

    Se você precisa de um serviço de hackers genuíno e...

  • Anónimo

    Olá pessoal, você precisa de serviços de hackers?E...

  • Төлөгөн Аимэшхан

    Você precisa de algum serviço de hackers? Você est...

  • Anónimo

    Muitos QUEREM SER HACKERS ON-LINE Cuidado com os a...

  • Anónimo

    Eles são um grupo profissional de hackers além da ...


Arquivo

  1. 2014
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2013
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2012
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2011
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2010
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2009
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2008
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D

Pesquisar

Pesquisar no Blog