Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]



A pegada não morreu; apenas deslocámos a maior parte das nossas pegadas para o facebook. Enorme pecado, bem sabemos; mas por estes instantes, em que o tempo não abunda, é mais fácil interagir e publicar ali. Esta nossa casa não desaparece; será sempre a referência principal e o lugar das pegadas mais profundas. No entretanto, e quando não nos virem por aqui, é porque estamos aqui:pegadabook. Cliquem no link (não é necessário ter facebook para ler, apenas para comentar) e/ou façam like acima. A todos os leitores e ao sapo, que nunca nos falhou, pedimos desculpa. É coisa de momentos; a pegada será sempre aqui. Aqui é a regra, este anúncio não revela mais do que uma excepção. Já agora, e também no facebook, mas numa onda diferente -- e em que todos os leitores podem ser autores --, visitem o ouvir & falar.

 

 


Reproduzi o título da notícia do DN. É um bom título. Não me interessa fazer política. Interessa-me o facto. Este anúncio é de uma gravidade extrema. Talvez não esteja a exagerar em futurismos quando afirmo que o PS acaba de perder as próximas eleições. É evidente que tinha de ser feito alguma coisa. É evidente que se conta com a colaboração dos Partidos da oposição quando está em causa um desígnio nacional. Mas é evidente também que quem governa é o PS e só este responde por estas medidas anunciadas.

Ora, o que nelas há de insuportável é a desigualdade que suportam. Milhares e milhares de pessoas, que representam o universo da função pública, estão a esta hora a perguntar por que raio têm de ser elas a pagar de forma especial a factura. Porque tiveram aumentos salariais no passado? Então estas medidas significam que o Governo entende que tais aumentos não foram merecidos? E se assim foi, não é, de qualquer maneira, inexplicável que um funcionário público que tenha solidificado, em termos de segurança jurídica, o seu aumento salarial, e que agora, auferindo um salário acima dos milionários 1500 euros ilíquidos leia nos jornais e veja na televisão que é ele que vai ter o encargo especial de equilibrar as contas do Estado? Por quê este ataque feroz à classe média dos funcionários públicos? Quem vai perceber isto?

Não sou funcionária pública e não percebo.

Percebo que o IVA é um imposto cego e fácil de subir uns pontinhos e que afecta a todos, sim. Talvez não houvesse alternativa.

Penso, no entanto, que é nos cortes nos rendimentos, que vão oscilar entre os 3 e os 10% para os salários superiores a 1500 euros, na redução dos encargos com a ADSE e no aumento em 1% das contribuições para a Caixa Geral de Aposentações, que o barulho de 700 mil funcionários públicos se vai sentir na rua.

O PSD, se por uma vez seguisse a via da inteligência, tinha o caminho feito. Digo isto, porque a história recente mostra que é sempre preciso contar com a incompetência total da oposição.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 09:48


Comentar:

De
Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.
Comentário
Máximo de 4300 caracteres

O dono deste Blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.


 

 

 

 

 

 

 

Autores

Alexandre Santos facebook LM

Ana Bento facebook Ana Bento

António Leal Salvado facebook LM

Quadratim

Célia Correia facebook Célia Correia
Filipe Figueiredo facebook Filipe Figueiredo
Francisco Clamote facebook FC

Terra dos Espantos

Hélder Prior facebook Hélder Prior

Herculano Oliveira facebook Herculano Oliveira

João de Sousa facebook João de Sousa

Ergo Res Sunt

João Moreira de Sá facebook JMStwitter Arcebisbo

Arcebispo de Cantuária

Micro Cuts

Lu Pelejão Eusébio facebook Lu Pelejão Eusébio

Luis Grave Rodrigues facebook LM twitter LGR

Random Precision

Diário de uns Ateus

Licínio Nunes facebook Licínio Nunes

Manuel Tavares facebook Manuel Tavares

Maria Helena Pinto facebook Maria Helena Pinto

Maria Suzete Salvado facebook MSS

robe de soir

Pedro Figueiredo facebook Pedro Figueiredo

Rogério da Costa Pereira facebook LM twitter RCP

O homem-garnisé...

cadáveres esquisitos

rui david facebook LM twitter rui david

Bidão Vil

itálicos

Arquivo

 

Adriano Pacheco

Ana Paula Fitas

António Filipe

Ariel

besugo

Catarina Gavinhos

Cristina Vaz

Fátima Freitas

Fernando André Silva

Isabel Moreira

Isabel Coelho

João Mendes

João Simões

lucy pepper

Luís Moreira

Luiz Antunes

Miguel Cardoso

Maria do Sol

Maria Duarte

Maria Mulher

Nuno Fernandes

Rolf Dahmer

Sofia Videira

Xavier Canavilhas


página facebook da pegadatwitter da pegadaemail da pegada



Comentários recentes

  • paulo costa

    Bom dia , tenho livros do 5 ano e do 9 ano para tr...

  • paulo costa

    Bom dia , tenho livros do 5 ano e do 9 ano para tr...

  • Paulo Martins

    Por favor, poderia enviar-me a lista de livros de ...

  • Luís Grave Rodrigues

    Também eu!:)

  • Domingos Pimenta

    Eu talvez não dissesse: "Enorme pecado,". Mas eu, ...

  • swerter zomader

    Bom dia Todo mundo ler esta história verdadeira vi...

  • Pjstine

    Boa Tarde:Gostaria de obter um conselho sincero ac...

  • Robert

    Trabalhadores procurado para a Alemanha www.tta-pe...

  • Licínio Nunes

    Eu chamo-me Licínio Jorge da Silva Mateus Nunes. E...

  • Kakan

    O palermoide que escreveu esta caca só pode ter si...


Arquivos

  1. 2014
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2013
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2012
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2011
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2010
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2009
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2008
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D

Pesquisar

Pesquisar no Blog  





subscrever feeds